Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


sexta-feira, 16 de março de 2012

UMA SUBSERVIÊNCIA CAVALAR - É hora de reagir

PARLAMENTARES CORRUPTOS E SEM INSTRUÇÃO. A BANDIDAGEM TOMOU CONTA DO PAÍS E LEGISLA ESCANDALOSAMENTE EM CAUSA PRÓPRIA.  AS VOTAÇÕES DEIXARAM DE SER FEITAS PELO INTERESSE DO PAÍS, COMO DEVERIAM SER, MAS POR INTERESSE PARTIDÁRIO, O QUE É ADMITIDO SEM O MENOR CONSTRANGIMENTO,  POIS A PATIFARIA SE TORNOU BANAL. CRÍTICAS E RECLAMAÇÕES FEITAS PELOS BRASILEIROS SÃO IGNORADAS. EMBOLSAM NOSSO DINHEIRO E DEBOCHAM DA NOSSA CARA.

NÓS, BRASILEIROS, NÃO TEMOS MAIS A QUEM APELAR.

SÓ MESMO COM A AJUDA DAS FORÇAS ARMADAS, O  BRASIL PODERÁ SE LIVRAR DA BANDIDAGEM QUE SE ALASTROU PELO CONGRESSO NACIONAL, PELOS INÚMEROS MINISTÉRIOS CRIADOS, PELO GOVERNO FEDERAL E ORGÃOS PÚBLICOS.


***** 


UMA SUBSERVIÊNCIA CAVALAR

Uma das extravagantes conseqüências do Manifesto Interclubes Militares, do “Alerta à Nação” e seus signatários tem sido a reação da caserna.

Na medida em que “ladraram os velhos cães de pijama” e não foram punidos, conforme a ordem dos ofendidos, os comandos militares não cumprindo a decisão da suprema governança, por impossibilidade legal, se empenham em demonstrar um servilismo, que soa como uma ÇAdesculpa para os seus superiores por sua “falta de competência”.

É uma modesta compensação para remediar a falta de amparo para sancionar os infratores, pois se assim não fosse, teriam aplicado o Regulamento Disciplinar.

Por certo, prometeram acalmar os militares de pijama. Como sabemos um preso é um cidadão, um drogado é um cidadão, um corrupto é um cidadão, um patife é um cidadão, mas um militar de pijama (?) não é um cidadão.

Sua impotência diante dos fatos parece tê - los colocado em má situação perante as autoridades, e eles se empenham em minimizar a mossa, clamando por paciência e para a contemporização, para uma atitude passiva que deve ser banida do dicionário de qualquer individuo, que tenha um mínimo de vergonha na cara (artigo escasso no mercado).

Não sabemos que tipo de individuo pode apelar para o bom - senso, para a boa - vontade, ou para qualquer tipo de trégua, quando recentemente, haviam determinado a punição de cidadãos acima de qualquer suspeita por exercerem o seu direito de opinião.

Mesmo antes da Lei da Anistia, que permitiu o retorno de uma canalha (muitos conhecidos criminosos) para o País, corria à solta a avalanche de propaganda e ações psicológicas que objetivaram desmoralizar as Forças Armadas e denegrir e, se possível, condenar os que haviam lutado contra a subversão.

Bom, depois eles assumiram o poder, e a partir de então, com o aval, e até a mão do governo, a perseguição sem quartel adquiriu tal dimensão que ficou caracterizada como um ignóbil REVANCHISMO.

O REVANCHISMO tem sido implacável e uma serie sem conta de eventos e de maléficas e estudadas atitudes corroboram que ele foi, é, e prosseguirá.

É preciso sofrer de amnésia profunda para esquecer tantas repugnantes ações.  A Comissão da Verdade é um de seus últimos atos, mas, certamente, não será o último.

Portanto, é de estarrecer que entre pessoas esclarecidas, convivam ingênuos que possam vir a sussurrar em nossos ouvidos para que acalmemos os ânimos, para que nos calemos, e apenas por amor, a não sabemos bem “a que, ou a quem”, enfiemos a viola no saco.

Hoje, não se trata tão somente de denunciar, de bradar em defesa da honra militar, mas de alertar que muito pior do que desmoralizar e enfraquecer as Forças Armadas, de crucificar antigos agentes da repressão, está em andamento uma tirania programada, que submeterá a todos, e que se propõe a destruir esta terra como nação soberana e democrática.

E um dos passos é a subserviência militar, que vai bem obrigado, o que estraga é esta cachorrada de vira - latas de pijama.

Brasília, DF, 17 de março de 2012
Gen. Bda Rfm Valmir Fonseca Azevedo Pereira

7 comentários:

  1. COFRE DO DR. RUI
    Livro do jornalista Tom Cardoso narra a história do maior assalto realizado pela luta armada no Brasil e o destino de cada um dos personagens deste assalto, conhecido como “A Grande Ação”.
    Ele não sai das vitrines das principais livrarias do Brasil e está próximo de figurar na lista dos títulos mais vendidos do país. Se você pensou em algum livro sobre a saga de um vampiro adolescente ou em mais um manual de autoajuda, errou. O livro em questão se chama “O Cofre do Dr.Rui”, do jornalista Tom Cardoso, e conta a história de um dos acontecimentos mais emblemáticos da história contemporânea do Brasil: como a Var-Palmares de Dilma Rousseff realizou o maior assalto da luta armada brasileira.
    http://horaciocb.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Ainda não li o livro citado, mas fiquei bastante curiosa.

    O livro "BRASIL:NUNCA MAIS" (Arquediocese de São Paulo) cita o caso do assalto ao cofre de Ademar de Barros (nem sei se o Ademar dele tinha ou não um H depois do D e nem vou procurar saber agora!) sem comentário algum ao nome de Dilma (estranho, não?)-
    ""Dilma Roussef, a atual Ministra da Casa Civil que usou Estela como um de seus codinomes, insiste no seu papel de vítima de supostas torturas na época da ditadura militar. Entretanto, quem estiver disposto a procurar pela veracidade do seu sofrimento, não encontra nada que a comprove. Seu nome é ignorado por diversos movimentos e grupos como Tortura Nunca Mais, por exemplo. Dilma Roussef não é sequer citada em livros ou sites que tratam do assunto; seu nome não faz parte da relação de torturados em canto algum.' - Dá uma olhada em:
    http://puteiro-nacional.blogspot.com.br/2008/11/estela-onde-procurar-por-ela.html"". NÃO HÁ INVENÇÃO ALGUMA; É TUDO ESCRITO E FEITO APÓS MUITAS PESQUISAS.


    VOU, AGORA MESMO, ENTRAR NO SITE QUE VOCê INDICOU.
    Ju

    ResponderExcluir
  3. Não deixe também de ler o artigo escrito na Revistra Piauí e, dewpois, quero que respondam: ONDE FOI PARAR AQUELA DINHEIRAMA TODA?

    ResponderExcluir
  4. "episódio narrado de forma romanceada" - FOI O SUFICIENTE PARA PROVOCAR DESINTERESSE.

    ResponderExcluir
  5. EU não vejo outra saída, a não ser a volta dos militares ao comando ddo país. O que deveria ter acontecido já no governo fhc, quando começou com força a desmoralização das FORÇAS ARMADAS, da família, da tradição, da moral, do caráter, e etc...Está se tornando inviável viver neste país. Já Não podemos ir e vir, por ordem dos bandidos e também do governo pois, está tudo controlado. Não podemos trabalhar, dar emprego, pois a carga tributária está nos sufocando. As leis nos proíbe de dirigir, pescar, plantar, passear. enquanto, por outro lado, querem liberar o aborto, as drogas, o incentivo a homossexualidade. Está tudo do avesso. E a televisão, os intelectuais, os políticos, os especialistas, nos dizem 'NÃO REAJA, NÃO REAJA'. E realmente não reagimos. Acho que passou da hora. Temos que reagir. PELO AMOR DE DEUS TEMOS QUE REAGIR!!!!!!!!!!Míriam

    ResponderExcluir
  6. AGORA È TARDE.
    TAMBÉM COM UM POVINHO DE TÃO BAIXA QUALIDADE!!!!!

    ResponderExcluir
  7. Anonimo 2, por favor, nunca é tarde!!!

    Anonimo 1: na época da ditadura militar nunca houve tantas proibições. O povo está sendo tratado como se fosse débil mental e ainda acha bom! Não se pode beber antes de dirigir (ÓOOOOOOO !!!), não pode dar palmadas nos filhos, é obrigado a dirigir de acordo com o que lhe é imposto nas placas, tem que achar a viadagem uma coisa linda, só pode usar palavras que lhes são determinadas,... ISSO NUNCA FOI DEMOCRACIA!

    POVO MANIPULADO, TUTOREADO, CASTRADO E
    ... ROUBADO. ESCANDALOSAMENTE ROUBADO.

    E ainda tem aceitar a ignorância mandar não apenas em si próprio, mas também no seu país.

    QUE OS MILITARES VENHA NOS SALVAR (e salvem suas vidas e sua dignidade)

    ResponderExcluir

Opinião dos leitores