Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


sábado, 31 de março de 2012

'Socialismo' em ação


VIOLÊNCIA NA CINELÂNCIA EM 29 de Março de 2012
Esses garotos adoram chavões, sem entender direito seu significado

"Paro nas escadas do metrô, e mostro ao “câmera man” da Band,
minha etiqueta grafada “IMPRENSA” e o resultado,
em mim produzido, pelas agressões dos manifestantes.
 ISSO não foi publicado em lugar algum."

...  Ao fazer a cobertura jornalística, pela então “Rede Mobiliza”, de um evento em formato de painel de debates, sobre Liberdade de Expressão, contando com as presenças do então presidente do Instituto Millenium, Paulo Uebel (hoje fora do Brasil e substituído por Priscila Pereira Pinto), Generais da reserva que comandam a Revista do Clube Militar, Reinaldo Azevedo e Merval Pereira, fui cadastrada pela Revista do Clube Militar como jornalista. Então, recebo todos os convites para os eventos de mesmo tipo.

No dia 21 de Março de 2012, recebi em minha caixa de entrada, um convite para um evento promovido pelo Clube Militar. Honrada, agradeço pela compreensão, respeito e parceria, do General Ex. Renato Tibau da Costa, presidente do Clube, que assina o convite.

Aqui, a imagem do CONVITE que recebi por e-mail
Independente do viés político, qual brasileiro que tenha um compromisso com a verdade não se interessaria em comparecer e cobrir um evento como o descrito no Convite? Eu é que não! Interessei-me, e muito, e confirmei minha presença assim que consegui! Pela primeira vez, as “portas dos militares” estavam abertas ao público para que fossem feitas as perguntas que queremos fazer há tanto tempo. E os militares responderam! Sem, inclusive, intenção de defesa de seus atos. Confessaram a ditadura, comentaram ações de prisão e interrogatório. Claro, de acordo com a versão deles.
O que me chamou atenção, porém, foi uma fala do hoje jornalista Aristóteles Drummont: “Os militares estão expondo sua versão. Mas será que vocês conseguirão o mesmo da guerrilha?”
Não! A Guerrilha não fala. O que fala, é com orgulho! Como se tivessem salvado o país do bicho papão. Vale matar para salvar? Não! De lado nenhum! Mas por que somente um dos lados assume suas mortes?
Ainda de acordo com meu compromisso com a verdade, fiz a cobertura em tempo real, pelo twitter, daquilo que VI e VIVENCIEI. E divido, aqui com os leitores, sem qualquer pretensão de tomar partido. Tomei partido de mim mesma, agredida, ontem, pelos manifestantes que se diziam pela “Liberdade”. E a minha liberdade, que eles tentaram tirar?
Vamos aos fatos
Cheguei à Avenida Rio Branco, no Centro do Rio de Janeiro, exatamente às 14:48 horas, do dia de ontem. Não significa que cheguei ao Clube nesse horário, uma vez que a Avenida já estava tumultuada com uma manifestação NÃO PACÍFICA. Demorei aproximadamente 40 minutos para conseguir chegar até o Estacionamento da Cinelândia.
Ao colocar os pés na calçada em frente ao Clube Militar, comecei a ouvir gritos de “sanguinária, assassina, ditadora....” e outros nomes menos próprios ainda, apenas por tentar entrar, informando ser da imprensa, no Clube para cobrir o evento. Lembrando, meu nascimento ocorreu em 1979 e eu sou CIVIL.
O Policial Militar a quem pedi licença para entrar, informou que não estava autorizado a deixar que ninguém mais entrasse, uma vez que os manifestantes estavam tentando agredir às pessoas. Imediatamente, aproximadamente 7 fotógrafos bateram fotos e mais fotos minhas, não sei com qual objetivo.

Então, o policial me instruiu a pedir autorização a alguém de dentro do Clube. Devidamente autorizada e instruída a entrar pela rua Santa Luzia, na lateral do prédio, pedi ao policial que me oferecesse um pingo de proteção, para que eu pudesse, sem ser mais agredida (eles nos atingiam com as bandeiras dos partidos), a tirar fotos da multidão que bloqueava a entrada da Rio Branco, do Clube Militar.


 
Faço a volta, acesso o Clube pela rua Santa Luzia, e vejo, logo em sequência, a chegada do General Nilton Cerqueira. Este, levou uma chuva de ovos, que chegaram a ser jogados em mim também, mas tive sorte e MUITA proteção da Polícia! Muita mesmo! Ontem quem apanhou por mim, foram os oficiais da Polícia Militar! Obrigada, senhores!
Ainda no térreo, aguardo o elevador para subir ao quinto andar, onde acontecia o Painel de debates. Com a chegada do General Nilton Cerqueira, os manifestantes se inflamaram mais, e quase romperam a barreira policial. Um dos generais então presentes no andar térreo, em desespero, grita: “Por favor, SAIAM DAQUI!”, para nós, que aguardávamos o elevdor. Cumpri a ordem, subi um lance de escada e tomei, então, o elevador até o quinto andar, partindo do segundo.
Suada, suja de respingos de ovos, cansada, chego ao evento, e encontro todos sentados, a grande maioria de idosos, muita ordem e MUITA, mas MUITA, cordialidade dos representantes do Clube. Agradeço à Ana, Katia e Denise pela sempre IMPECÁVEL recepção e colaboração. Quanto ao General Tibau, sempre agradeço! É um homem de honra!
FINAL DA HISTÓRIA DE VIOLÊNCIA NO SITE
A
Quem se diz contra a violência,
jamais será violento.
A NÃO SER QUE ESTEJA MENTINDO.
 


Bom Domingo...


Marcos Pontes 
deixou um novo comentário sobre  "Greta Garbo - quem diria! - acabou no Irajá":

 
As gravações que mostram os negócios do Demóstenes com o crime são de 2009. Por que só reveladas agora? Para tirar o foco do possível julgamento do mensalão e da roubalheira da Copa. Como contra ataque, mostram as relações da Ideli Sardinha com as lanchas fantasmas. A diferença de impacto é que Demóstenes era tido, pelos incautos, como impoluto, enquanto que Ideli é sabidamente uma trambiqueira.

 
MAIS UMA:  Quem é quem... veja na foto.


O que vemos na aparência das criancinhas usadas para fazer manifestação de seu ôBA-ÔBA, como se fossem gente a favor da pátria (http://puteiro-nacional.blogspot.com.br/2012/03/manifestantes-oba-oba.html
- estudantes  
- não trabalham
- dependem dos pais para viver
- deselegância tanto nas roupas quanto no comportamento



Recado à PM: 
troquem balas de borracha por balas jujuba








NUNCA SE ENCOLHA E VOCÊ SE TORNARÁ FORTE

Se "der sua cara a tapa", terão medo de esbofeá-lo



Por José Geraldo Pimentel
Certo dia sai com o cão e um de meus filhos. Dado momento o garoto se distraiu e o cão levantou a pata e mijou em sua perna. Como não fora comigo, não reagi. Em outra ocasião escutei o cão ciscando em cima da poltrona. Lá chegando verifiquei que o cão tinha mijado na poltrona.
Como não era eu que ia limpar a poltrona, não reagi. À noite fazia calor. Peguei um colchonete e o estendi na sala, à frente do aparelho de ar condicionado. O cão veio deitar ao meu lado. De madrugada senti que a cabeça estava molhada. Acendi a luz e descobri que o cão tinha mijado em minha cabeça. Aí não pude fazer mais nada!
Situação análoga está acontecendo com as Forças Armadas. Primeiro o ex-presidente da república, Luiz Inácio Lula da Silva, chamou os militares de ‘bando’. Ninguém reagiu.
Dias depois o ministro da Defesa, Nelson Jobim, desafiava os oficiais do Alto Comando do Exército, ameaçando-os de prisão caso reagissem contra a publicação de um livro que enaltecia os comunistas do Araguaia. Ninguém reagiu.
Logo depois o mesmo ministro, sentindo-se encorajado pela fraqueza dos militares, dizia alto e bom som que não tinha medo de confrontamento, desafiando os militares. Ninguém reagiu.
No embalo surgiu o chefe da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, Paulo Vannuchi, e ameaçava chamar os oficiais generais de covardes caso não comparecessem a um evento em que se celebrava a memória de terroristas e guerrilheiros que lutaram contra os militares, querendo impor uma nova forma de governo no país. Ninguém reagiu.
O ministro ainda requisitava uma aeronave da Força Aérea Brasileira e levava os restosmortais de um umguerrilheiro para ser sepultado em Fortaleza, com direito a bandeira do Partido Comunista do Brasil estendida sobre o caixão ao lado da Bandeira do Brasil. Ninguém reagiu.
O ex presidente Lula (L.I.) inaugurava na Praça XV, no Rio de Janeiro, uma estátua em homenagem a um pseudo ‘almirante negro’ , desafiando a Marinha do Brasil. Ninguém reagiu.  
Na Bahia o presidente Lula glorificava os comunistas Carlos Marighella e Gregório Bezerra, chamando-os de heróis nacionais por terem lutado contra as FFAA brasileiras. Ninguém reagiu.

Proibiram-se a realização de palestras relativas à data 31 de março de 1964, e ninguém reagiu.
 Missa comemorativa a este evento teve a proibição explicita do comparecimento de militares da ativa, inclusive a presença do capelão militar. Ninguém reagiu.
Enquanto os militares permaneciam calados, sem protestar, propagou-se uma onda de eventos em que se afrontava a instituição militar: exposições fotográficas, criação de Museu da Ditadura Militar, criação de Arquivo Nacional para ‘guardar os registros da violência praticada pelos militares’,- só os militares foram violentos na luta armada dos anos 64 /74. Caravana da Anistia correndo o país e reconhecendo terroristas e guerrilheiros como perseguidos políticos, dando-lhes o direito de serem indenizados com quantias milionárias e pensões astronômicas sem desconto de Imposto de Renda.

Criação de CD-ROM em que se mostram os militares como elementos sanguinários, predadores que atacaram pobres vítimas que lutaram apenas em defesa da democracia. Filme,- Amor e Revolução,-foi exibido na televisão recontando a história, onde era mostrada a imagem desvirtuada das FFAA. E ninguém reagiu.
Agora foi colocada uma pá de cal definitiva sobre os restos mortais das FFAA. Os Clubes Militares ousaram lançar um manifesto,- "Compromissos...",- em que reprovava a atitude da presidente da república, senhora Dilma Rousseff, que permite que duas de suas ministras de Estado e seu partido ataquem as FFAA e ameacem os seus membros com um tribunal de exceção.
 ...
E não deu outra coisa com a notícia que explodiu como uma bomba nos corredores palacianos. Imediatamente a presidente da república espumando como uma caranguejeira, chamou o ministro da Defesa e ordenou que reunisse os comandantes militares e os três presidentes dos clubes militares. (A cena não chegou a ser inusitada porque já fora vista no interior da Bahia).
Tão logo formou-se o grupo de milicos a sua volta, ela não titubeou duas vezes. (..). Sobrou água para todos os lados.
Os militares tiraram o manifesto do site e no lugar postaram uma nota com uma desculpa esfarrapada, - "Com relação à nota Manifesto Interclubes Militares de 16/ 02/2012, os presidentes dos clubes militares desautorizam o referido documento",- jogando por terra a reputação do Clube Militar do Rio de Janeiro, uma entidade representativa dos militares, com grande credibilidade no país, coberta de glórias pelas lutas travadas em defesa da democracia. Agora a agremiação se transformou num clube de várzea, que só recebe bordoada e não ganha nenhuma partida. É no que deu o clube ser representado atualmente por uma figura sem voz ativa, medrosa, que se acovarda diante de um latido de uma mulher que acha que tem o rei na barriga, por estar provisoriamente à frente da presidência de uma nação. 
... 
As FFAA vêm passando por um processo de desgaste moral em função da fraqueza de seus chefes militares. Umas traíras covardes que só mijam para baixo. Para cima agem como uns potros, que ficam de bocas abertas recebendo mijada de quem está por cima! Não demora muito e a instituição militar é transformada em guarda pretoriana, a serviço dos governantes de plantão, perdendo a áurea de força permanente de defesa do Estado.
Moral da história: Quem não age em tempo, finda como eu, levando mijada de cão na cabeça enquanto dorme!
Rio de Janeiro, 26 de fevereiro de 2012.


O que me preocupa não é o grito dos maus.
É o silêncio dos bons.
Martín Luther King









Parabéns pelo aniversário


Meus parabéns aos militares pela data de hoje que representa o aniversário não de um simples 'golpe' como dizem. Muito mais.  É a prova de que, quando a sociedade precisou, eles se fizeram presentes.  O  que, parece, foi esquecido.



NOTA: Se os militares ficaram mais tempo do que devido, se uma hora ou outra agiram de forma errada (até porque os erros fazem parte da existência), não é motivo para esquecer a ímportância que tal data teve para a sociedade brasileira.


Comemoração de uma cidadã brasileira que, na época, tinha 17 anos e sabe, exatamente, o que representou a ajuda dos militares a uma sociedade que não tinha mais quem a ajudasse nem a quem recorrer.


PARABÉNS PELO ANIVERSÁRIO


TIM... TIM...




sexta-feira, 30 de março de 2012

Criancinhas manifestam seu ÔBA-ÔBA


Não é preciso conhecer a história antiga.
Bonito é ser atuante.
Mesmo não atuando na atual história.

Um pequeno histórico do finado diretor geral do DOPS (Departamento de Ordem Política e Social) paulista de 1977 a 1982, Romeu Tuma.  PORQUE SURGIU ESSE HISTÓRICO? A explicação vem depois.

DOPS (Departamento de Ordem Política e Social), dirigido por Romeu Tuma que veio a se tornar senador - (http://www.infoescola.com/historia-do-brasil/dops-departamento-de-ordem-politica-e-social/) foi criado para manter o controle do cidadão e vigiar as manifestações políticas na ditadura pós-64 instaurada pelos militares no Brasil. O DOPS perseguia, acima de tudo, as atividades intelectuais, sociais, políticas e partidárias de cunho comunista.

Romeu Tuma, que teria participado ativamente na ocultação de cadáveres de militantes políticos assassinados sob tortura e no falseamento de informações para evitar a localização dos corpos de políticos desaparecidos, acabou "se transformando em senador", ELEITO PELO POVO.  Um povo que não se cansa de clamar por justiça e se dizer anti-torturadores!  Então, como Romeu Tuma poderia ter sido eleito?  Por uma questão de lógica, o povo deveria ter lhe voltado as costas, ao invés de eleger um torturador indireto para o Senado. 
 Ontem, 48 anos depois do golpe militar de 1964,  pessoal de partidos “socialistas”, como o PC do B, por exemplo, fizeram uma passeata organizada pela Internet cruzou o centro do Rio e terminou na porta do Clube Militar do Rio de Janeiro . Enquanto militares estavam dentro do clube, os bebês (politicamente falando) gritavam palavras de ordem e carregavam faixas e cartazes. Os militares que chegavam para o encontro eram hostilizados e chamados de "torturadores", nums visível ataque.


Pela agressão e ameaça das "crianças" que pretendiam invadir o clube, a polícia foi chamada e houve confusão. Os policiais usaram spray de pimenta, gás lacrimogêneo e até bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes.  
Pela foto acima percebemos que os manifestantes eram jovens que, certamente, foram usados
e ainda acreditavam que estavam cumprindo um dever democrático.
No UOL, por exemplo, podemos perceber que as várias fotos ali colocadas  são tendenciosas, com o intuito de mostrar os agressores como pobres agredidos.(http://veja.abril.com.br/multimidia/galeria-fotos/protestos-na-cinelandia-no-rio-de-janeiro-2012)
No Clube havia um evento mediado por Joelmir Beting e, como painelistas, o general Luiz Eduardo Rocha Paiva, o jornalista Aristóteles Drummond e o historiador Heitor de Paola. O protesto foi convocado pela internet contra os atos de torturas durante o Regime Militar e pedem punição aos mesmos.  Seriom mais úteis - e menos usados - se toda  vez que aparece mais uma roubalheira de nossos parlamentares, fizessem uma mobilização.  Aliás também seria bem mais atual do que se dizer contra o que houve  no passado.

Essa garotada bem que poderia voltar ao modismo ridículo   fora yankee.  Pelo menos não empocalhariam nossa cidade,  que teve ruas pintadas de vermelho.


Capacho não tem título de eleitor e não vota



2012 é ano eleitoral e já sabemos que as urnas eletrônicas são um engodo. O eleitor, manipulado, vai lá fazer papel de trouxa, pois os eleitos já o foram, de acordo com os interesses políticos.  Esses políticos  'chave de cadeia" - como todos sabemos, embora eles neguem! - são os fernandinho-beira-mar do congresso. 

Então, nos cabe a pergunta: SOMOS UM SIMPLES CAPACHO?
A
O que é pior? Ser usado e fingir que escolhe alguma coisa ou, claramente, não ter o direito de votar/escolher, como na época da ditadura, igualzinha à ditadura que o grupo Var-Palmares tinha intenção de implantada aqui ?  O que é pior? Fazer papel de boboca  e ser "enganado"  ou  ter pelo menos o direito de saber qual a verdade, por mais dura que seja?  ANTES DE RESPONDER É BOM LEMBRAR:  DITADURA É DITADURA, SEJA DE DIREITA OU ESQUERDA.  A reportagem na Revista Piauí,  é bem reveladora, principalmente por ser quem é o entrevistado. (pequeno trecho abaixo)

"Carlos Araújo foi eleito um dos seis dirigentes da nova organização. O primeiro artigo do seu estatuto dizia: “A Vanguarda Armada Revolucionária-Palmares é uma organização político-militar de caráter partidário, marxista-leninista, que se propõe a cumprir todas as tarefas da guerra revolucionária e da construção do Partido da Classe Operária, com o objetivo de tomar o poder e construir o socialismo.”  Alguém se atreveria a afirmar que socialismo é democracia?

Mais um exemplo que nos leva a fugir dessa tapeação eleitoral chamada eleição:  Magno Malta em 2010 ao ‘conversar’ com a Revista Veja (Panorama SobeDesce - Conversa com Magno Malta) disse claramente que  “não atende à atribuição que lhe é devida a elaboração de leis” pois esse servicinho  é transferido para seus 'subalternos' fazerem.  Não anotei o endereço onde está esta informação, mas, quem quiser, pode conferir sua autenticidade com a própria revista.
FUJA DAS URNAS ELETRÔNICAS
TIRAR DÚVIDAS EM
Duas alternativas: pagar multa irrisória ou justificar. 
"VOTAR", JAMAIS.

MULTA:  Qual o valor da multa por não comparecer à eleição?   Ela pode variar entre 3% e 10% do valor de 33,02 UFIR, ou seja, de R$ 1, 06 a R$ 3,51. O Juiz Eleitoral, no entanto, poderá aumentar até 10 vezes o valor, quando considerado ineficaz em virtude da situação econômica do infrator.
A
JUSTIFICATIVA:  o formulário de requerimento de justificativa eleitoral é gratuito.

CASO AS INFORMAÇÕES ACIMA NÃO ESTEJAM ATUALIZADAS,
PEÇO A GENTILEZA DE SER INFORMADA.


AMANHÃ VAMOS COLOCAR UMA BANDEIRA BRASILEIRA EM NOSSA JANELA
OU SAIR COM ROUPA VERDE E AMARELA



Desenho de Cícero adaptado

quinta-feira, 29 de março de 2012

Quem tem pena, morre depenado


APOSTAS ABAIXO

Cyro Miranda disse: "Senador ganhar líquido R$ 19 mil é alguma coisa não condizente com a sua atividade. Tenho pena daquele que é obrigado a viver com R$ 19 mil reais, com a estrutura que nós temos aqui.” 


Motivo de Ciro Mirando ficar tão penalizado: Em 28/03/2012, ano eleital, a Comissão de Assuntos Econômicos do Senado aprovou um relatório de projeto que acaba com os 14º e 15º salários para parlamentares.   Num país em que o trabalhador que trabalha 7 dias por semana, no minimo, ganha apenas o 13º e leva anos para conseguir o sofrido SUBSÍDIO que um parlamentar ganha em único mês para  ir ao  Parlamento apenas 3 vezes por semana (quando vai). 
 

 Cyro Miranda não deveria ficar tão preocupado com seus ""pobres""  colegas.  Logo depois das eleições arranjarão um jeito de arrancar mais dinheiro dos otários que trabalham para sustentar sua vagabundagem.  Sem contar que, como todos sabem, eles não recebem INJUSTAMENTE apenas a quantidade citada pelo 'comovido' senador.

FAÇA SUAS 'APOSTAS' : Ao dizer tamando absurdo Cyro Miranda:
1- É um ignorante que desconhece a realidade brasileira
2- Foi um tremendo cara-de-pau
3- Ridicularizou o brasileiro que  trabalha de verdade e recebe um parco salário
4 - Foi um tremendo sacana sem nenhuma vergonha na cara.

 
Dados do senador
nome civil: Cyro Miranda Gifford Júnior
data de nascimento: 04/02/1946
partido / UF: PSDB / GO
naturalidade: São José do Rio Preto (SP)
endereço parlamentar: Ala Trancredo Neves gabinete nº 51
telefones: (61) 3303-1962
FAX: (61) 3303-1877
correio eletrônico:
cyro.miranda@senador.gov.br

O show de todo artista tem que continuar.


A NOSSA INSISTÊNCIA TAMBÉM.
Por um Brasil que aguardávamos e não apareceu.

Millor Fernandes, criador do Pasquim,
morreu ontem aos 88 anos.
Se a realidade venceu sua ingenuidade ideológica,
deve ter morrido frustrado

  
Se você está insatisfeito com essa bagunga nacional, no próximo sábado  (depois de amanhã), coloque  a bandeira brasileira na janela e/ou vista roupa verde e amarela ao sair.  Maneira bem simples de afastar a  apatia diante de tanto deboche.

Forte abraço ao Millor Fernandes

Desenhos adaptados



quarta-feira, 28 de março de 2012

Vai e volta. Cai e levanta.


O PMDB pretende esvaziar a candidatura de Edson Lobão - sugerida pela presidente Dilma - e fortalecer Renan Calheiros para substituir  José Ribamar, o Sarney que parece  ter comprado também a morte.


Esvaziados sairemos nós com mais uma troca
de nada por coisa nenhuma!

"... os peemedebistas querem mostrar que o senador Renan Calheiros (AL) é um aliado “fundamental e indispensável”.  Lógico, cada um tem e precisa do que merece!
Colocar Renan Calheiros no lugar de José Ribamar(Sarney) é o mesmo que  trocar cocô por bosta.  Isso é que é deboche!

 
 
 




segunda-feira, 26 de março de 2012

Vídeo - Nada melhor do que a sinceridade...


... só para alguns, é verdade. Talvez por isso a entrevista tenha sido tão curtinha!


É claro que só convidariam alguém para falar ao vivo na Rabiobrás  sobre as comemorações  de 7 de setembro, se falasse "abobrinhas e contasse lindas mentiras com aquela conhecida pose patriótica.

 
Mas não foi o que fez o PROFESSOR LÚCIO CASTELO BRANCO, do Departamento de Sociologia da UNB, que simplesmente valou a verdade.
em.
Não é nada atual, mas serve como exemplo entre a diferença do que é real e o que desejam que os bobocas escutem  e acreditem.

 

Procuradoria quando "procura", acha

Procuradoria pede demissão de 76 servidores do Senado


A Procuradoria da República no Distrito Federal resolveu providenciar a demissão de 76 funcionários do Senado que se tornaram servidores públicos há 20 anos por meio de um ato secreto.  Tanto tempo - VINTE LONGOS ANOS! - e só agora descobriram!

Não é preciso ser procurador para encontrar coisas assustadoras espalhadas pelos órgãos federais. Ainda mais agora com uma enorme quantidade de funcionários que não passariam nem em um concurso que exigisse apenas que soubessem ler e escrever direito.

Eram "estagiários" do Senado no final de 1991. quando, segundo o Ministério Público Federal, a Comissão Diretora da Casa assinou um documento sem número e que nunca foi publicado em diário oficial, atestando a existência de vínculo empregatício, apesar de não terem passado por concurso público. Os estagiários, que atuavam no Centro Gráfico do Senado, passaram automaticamente para o cargo efetivo de "assistente industrial gráfico".

O que apreenderiam estagiários 'fantasmagóricos' no Senado não sei. Mas certamente aprenderam a fazer muita maracutaia sem um pingo de vergonha.


NOTA: o desenho inicial é uma brincadeira bem de acordo com nosso Congresso, pois os motivos de darem as vagas aos estagiários são muitos outros.  Pode ser até um simples agradecimento ao vizinho pelo último churrasco.




Quem é mais confiável?


Aqueles que citam comportamento errado de todos, sejam de "direita ou esquerda",  ou  quem se mostra contra a patifaria,  desde que não seja feita pelos "seus"?
 
 
"Xingue-os do que você é, acuse-os do que você faz." Se o acusado realmente cometeu crimes, ótimo: desviarão a atenção dos crimes maiores do acusador. Se é inocente, melhor ainda.: "
(máxima atribuída a Lênin) 

 Seqüência de artigos
num Blog tendenciosamente direcionado


Demóstenes será expulso do DEM?
a
Serra leva susto nas prévias do PSDB - o clima interno é de desagregação.  Fala na  mesma desagregação acontecida no PT, como se acontessece apenas no PSDB:  PT vê “desagregação” e age para recompor campanha em Minas ..., É sabido que o PT está dividido desde a mudança desde o início do atual governo.
a
a
a
"...aparece como um contraponto à usina de mentiras em que se transformaram os grandes meios de comunicação”. " - Teriam coragem de mostrar as mentiras trendenciosas da Revista Carta Capital ?
a
90 anos pelo Brasil e o socialismo - Do sítio do PCdoBa
a
O momento de Dilma Rousseff  “Dilma está vivendo seu melhor momento...
 a
Serra racha PSDB ao meio Dilma  bancou o risco de desarranjar uma coalizão montada pelo governo anterior - parabéns a Dilma que mostrou não ser um simples fantoche.  Pena que esteja metida num meio como esse!
a
Três sem terra são mortos em MG - Invasão é invasão!  Se  estivessem trabalhando ao invés de invadir a terra alheia estariam vivos até agora.  Mas, já que é assim... bem que os sem terra poderiam invadir as residências de luxo de Brasília ou as fazendas de muitos parlamentares.  Eles, certamente, "aplaudiriam". 
a
Ratos abandonam navio DemóstenesEnfim, Demóstenes mostrou que é um verdadeiro político brasileiro: mentiroso e desonesto.  E ainda usou o mesmo recurso que o PT usou para se 'criar': a tapeação.a

  Se você é burro ou mal intencionado,
defenda um partido e ataque outros.
Se é brasileiro defenda o seu país.

Ou, pelo menos, dirfarce!


Eu posso, tu não pódi ...


Demóstenes está para Valdomiro Santiago
assim como o Congresso está para a Igreja Universal


PT pressiona por investigação de Demóstenes
Foto: Aílton de Freitas / O Globo




O PT no Senado pretende mobilizar os partidos aliados para pressionar o procurador-geral da República,...  - Roberto Maltchik, O Globo - http://oglobo.globo.com/pais/noblat/


Vá ser falso assim em Cuba
e nos livrem de tanta presepada

É PRECISO ZERAR E COMEÇAR TUDO DE NOVO.
VAMOS "APOSENTAR" TODOS ESSES POLÍTICOS
QUE NÃO LARGAM O "COFRE" HÁ DÉCADAS.


domingo, 25 de março de 2012

Greta Garbo - quem diria! - acabou no Irajá



 Estranho que Demóstenes Torres continuasse um indivíduo tão sério depois de passar décadas no meio da bandidagem de BrasíliaSempre revoltado, acusando, criticando seus colegas.  Até que um dia... deve ter pisado no calo de alguém de mal jeito. Pronto. A máscara caiu e a Greta Garbo acabou no Irajá

Enquanto  sua verdadeira índole política  não era desvendada, Demóstenes Torres posava como a laranja que, no meio de outras muito podres, se mantinha limpinha e altamente "comestível", o que é impossível.   

Para saber se esse ou aquele político merece respeito, basta ir a um Hortifruti, porque que a natureza não mente.  Que o digam as laranjas!

Esse causo não é motivo para ficarmos tristes, pois  é só mais um trambiqueiro no meio de tantos outros.   E, ao invés de atrapalhar, até ajuda os ingênuos (ou tolos) a enxergarem a vergonhosa realidade que precisa ser debelada.

"Não agüento mais ser rato no meio dessa imundície."

Demóstemes Torres fez o mesmo que fez aquele partido "estrelado" ao surgir para acabar com a  roubalheira.  Tanto o Senador quanto o PT  sempre  exigiram limpeza enquanto cagavam por onde passavam.  Me perdoem o termo chulo, mas está bem de acordo com a nojeira da política nacional.


NÃO DÊ SEU VOTO A NINGUÉM.
SEU VOTO NÃO MERECE IR PARA O LIXO.