Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


sábado, 2 de outubro de 2010

A escalada da pobreza (de espírito) - parabéns a Guilherme Fiúza

A ARRUMAÇÃO DO TEXTO,
COM IMAGENS PARA ENFATIZAR ALGUNS
TRECHOS SERÃO COLOCADOS MAIS TARDE

A escalada da pobreza (de espírito)
GUILHERME FIÚZA

 
O último debate entre os presidenciáveis na TV, com seu clima de chá de senhoras na Confeitaria Colombo, produziu uma única certeza: a opinião pública está morrendo.
 
Os candidatos não falam com ninguém.
 
Falam com as pesquisas. E como as pesquisas são cada vez mais imunes ao que acontece na vida real, o debate na TV Globo foi uma espécie de horário eleitoral gratuito coletivo. Perguntas, réplicas e tréplicas compuseram uma animada conversa de surdos.
 
Cada um com seu monólogo ensaiado, falando diretamente ao coração do seu marqueteiro, olho no olho.
 
Foi assim, nessa conjunção de mundos límpidos e sem conflitos, que sumiu na paisagem a grande ausente do debate.
 
Erenice não deu as caras. E dessa vez não foi culpa dela. A fiel escudeira de Dilma Rousseff fez tudo certo para protagonizar a reta final da campanha.
 
Empenhou seus familiares e simpatizantes, em diferentes graus de parentesco, para exibir por completo a doutrina petista de privatização do Estado. Com sua coleção de indícios de tráfico de influência, manteve o lema revolucionário de endurecer sem perder a prepotência jamais, chamando o candidato adversário de "aético" e "derrotado" em nota oficial. Mas o Brasil é magnânimo.
 
Já começou a esquecer que teve uma Erenice na chefia da Casa Civil.
 
Se Erenice Guerra, a breve, fosse só um acidente na República dos companheiros, melhor mesmo seria deixá-la despontar para o esquecimento.
 
O problema é o quanto o estilo Erenice diz sobre Dilma - essa desconhecida com cerca de 50% das intenções de voto.
 
A ministra que Lula teve que "suicidar" a menos de um mês das eleições seria, por assim dizer, o homem forte do governo Dilma. Com o escândalo já cheirando mal a céu aberto, a candidata petista ainda tentou salvar sua protegida, classificando de "factoide" a revelação das peripécias de Erenice na penumbra do Planalto. O factoide custou a cabeça da ministra, mas Dilma continuou firme: "Não vi nenhuma ação inidônea da ex-ministra Erenice." Quanto desse tipo de idoneidade tomará posse junto com Dilma Rousseff, se eleita? O Brasil não quer falar sobre isso agora. Prefere esperar pelo futuro tomando seu chá na Confeitaria Colombo.
 
Como foi possível a Dilma entrar e sair do debate na Globo sem ouvir o nome de Erenice? Como foi possível à candidata de Lula desfilar na TV para milhões de brasileiros sem dar uma única explicação sobre a propensão fisiológica, autoritária e conspiratória de seu projeto político, flagrada no caso Erenice? É simples. Os bem-pensantes estão convencidos de que o povo não sabe o que é Casa Civil. Não adianta falar de tráfico de influência, porque o povo também não entende. Aliás, o povo também não sabe o que é violação de sigilo fiscal. Será que o povo sabe o que é falcatrua? Possivelmente sim, mas não liga o nome à pessoa. Ligar Erenice a Dilma, então, nem pensar.
 
Segundo essa doutrina, para ser ouvido pelos brasileiros, o candidato de oposição José Serra, por exemplo, tem que se apresentar como Zé, filho de feirante. No Brasil emergente da era Lula, a pobreza é quase um diploma.
 
E a ignorância enseja carinho e condescendência. Independentemente de seus atos, o presidente sociólogo desperta antipatia; o presidente operário desperta orgulho. E assim o país vai reduzindo suas desigualdades: orgulhando-se de falar a língua inteligível pelos que não sabem falar, substituindo brilhantismo por bom-mocismo.
 
Estudiosos formados nas melhores escolas do Rio e de São Paulo produzem estudos confirmando um novo Brasil descoberto em 2003. O proselitismo lulista envaidece a elite envergonhada.
 
Na FGV, no Ipea, na USP, na Unicamp proliferam os papers deslumbrados com a nova classe C que não lê jornal e vai ao shopping.
 
De que vale saber quem fundou a estabilidade econômica, ou o que é Casa Civil? Essas coisas não cabem na fábula do filho do Brasil, com seus mais de 80% de audiência. O freguês tem sempre razão. Rumo ao Oscar.
 
O presidente operário está tirando o Brasil da pobreza, e legará sua obra social à primeira presidenta do país.
 
Soa bonito, melhor não contrariar.
 
Ainda assim, sem querer ofender o arrastão do bem, caberia perguntar: um país que perde discernimento, que compactua com a falta de esclarecimento, que não fala o que os emergentes da classe C supostamente não vão entender, que faz debate de mentirinha para não perturbar o sono da opinião pública, está saindo da pobreza para onde? A indiferença nacional com o caso Erenice é um indicador seguro de elevação da pobreza - pobreza moral, cultural, cívica. A imprensa flagrou a pobreza de espírito dos que chegam ao poder para "se servir", como disse o próprio Lula sobre Erenice. Mas, como alertou o Verissimo, foi tudo uma tentativa de impedir a vitória da Dilma.
 
É o velho Fla-Flu ideológico - a face mais pobre do Brasil. E aí não há Bolsa Democracia que dê jeito.





sexta-feira, 1 de outubro de 2010

VÍDEO - "Dilma sabe fazê" . Advinha o quê!...


O vídeo veio junto com o seguinte comentário: ""Vejam o que aparece agora, 1 dia, praticamente, antes da eleição.  Também, com essa "caca" de oposição, se houvesse saído antes, ia ser o mesmo que nada...""


O vídeo está fresquinho no blog do Reinaldo Azevedo, que explica  quem é Antonio Rizório. O comentário que ele faz sobre a candidata do PT não  é novidade, apenas confirma o que já sabemos. Mas não deixa de ser um tapa na nossa cara saber que uma figura como essa pode se tornar presidente do país .
http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/tag/antonio-rizerio 


Sugiro que filmem o vídeo enquanto estiver passando na tela e guardem com carinho, para o caso de o retirarem do youtube como já aconteceu com outros.

E NÃO SE ESQUEÇAM DE IR ÀS URNAS DE AZUL


Dilma teria capacidade para governar o país?


Quem quiser colocar sua opinião,
sobre qualquer candidato, baseada em
argumentos, sinta-se à vontade.

  
 
Dilma comemora a decisão do STF que aprovou nesta quarta-feira o pedido do PT para que o eleitor possa votar com apenas um documento com foto. Grande parte dos eleitores da candidata, provavelmente estariam impedidos de ir às urnas caso fosse mantidal a exigência de mais um documento . “Eu não discuto decisão do Supremo. E essa em especial eu comemoro.”
 A candidata do PT teria 
capacidade para governar um país ?  


1 - Dilma não soube gerenciar sua própria lojinha de artigos de R$ 1,99.  Assunto que merece ser pesquisado para confirmar se tal lojinha existiu, mesmo, ou se não foi uma das tapeações como o caso do doutorado que constava, falsamente do seu currículo.   * Se uma pessoa é incapaz de gerenciar uma lojinha de artigos de R$ 1,99, certamente não seria capaz de gerenciar um país.

2 - A alegação de que o importante, para o presidente de uma Nação, é a escolha de bons assessores e ministros está eliminada.   * Se Dilma tivesse capacidade para fazer boas e decentes escolhas, não teria indicado sua amiga Erenice para o Ministério da Casa Civil. 

3 - De acordo com seu curriculo - o mesmo currículo do qual constava doutorado e mestrado ficticios - Dilma teria  estudo no Colégio Sion.  O Sion é um renomado colégio de onde jamais sairia uma aluna capaz de cometer tantos erros fono-ortográficos, com tanta dificuldade para se expressar e raciocinar.  Em julho, entrei em contato com o Colégio SION de São Paulo e o o Colégio Santa Dorotéia, ex-SION de Belo Horizonte. http://dilma-mostra-tua-cara.blogspot.com/2010/07/vida-escolar-de-dilma-rousseff.html .  Inicialmente o SION/SP se ofereceu a me dar a informação, depois me aconselhou a entrar em contato com o Colégio Santa Dorotéia que me disse não ter direito a oferecer esta informação, embora outro tenha informado a fraude do mestrado inexistente.    Algum colégio se recusaria a admitir que uma ex-aluna poderá se tornar a presidente da República ?  Detalhe: a informação que SION/SP me passou por email  se referia ao 'acervo' de uma página do UOL e não de seus próprios arquivos. 


4 - Dilma não se mostra confiável.  Hoje diz uma coisa totalmente diferente do que disse ontem, como no caso do aborto ou da luta armada.  A candidata mente e se desmente descaradamente.  Há um áudio  em que o  radialista  baiano KERTESZ faz uns comentários que deveriam ser ouvidos pelo país a fora, sobre a 'traição'  da candidata a um outro político . "Para ter uma companheira como ela,  prefero arrancar todos os dentes sem anestesia.", diz ele em seu programa.  Não consegui colocar este áudio no blog talvez por ser muito grande.  Mas depois vou dar um jeitinho e colocar compactado, mesmo  após as eleições.  

5 - Dilma tem diversas faces, não apenas visualmente.  Vai desde a pessoa grosseira, mau-humorada, ríspida, que debocha dos repórteres, até  uma doce  'mãe-mulher', simpática e angelical.  Os eleitores sabem qual sua verdadeira identidade?



6 - O partido de Dilma :
O PT é uma das maiores farsas  já conhecidas .  Muitas pessoas decentes, que ajudaram a criar o Partido dos Trabalhadores se afastaram, assim que o PT virou a lixeira de seus ideais.
O maior criador desse partido não sabe mais qual seu verdadeiro papel.  Se apresenta como o opositor à pilantragem, enquanto o oportunismo o põe no colo dos  'Renans' e Sarneys',  o levando a abraçar o que há de mais sujo na política nacional.  Algumas horas, poucas, L.I. é o presidente da República, enquanto na maioria das vezes é a eterna figura  da oposição,  se opondo e se distanciando até mesmo do seu próprio governo, quando denunciados erros escrachados,  como se o governo não fosse ele.  Atualmente, L.I. é um marketeiro?

Basta conversar com um psicanalista, de preferência sem citar nomes, e perguntar a ele o significado das diversas características de L.I..  Como a megalomania exacerbada; a repetição de suas mentiras, de maneira tão insistente, que provavelmente ele mesmo já tenha se convencido de todas elas;  a forma como distorce os fatos e nega evidências; a capacidade enlouquecida de afirmar determinada coisa num palanque no nordeste e, no mesmo dia, dizer exatamente o contrário em outro palanque no sul, a forma doentia de atribuir a culpa dos erros do seu governo a governos anteriores  (distantes há quase OITO longos anos) da mesma maneira que atribui a si o que bom outros fizeram;  a falta de limites ignorados cada vez mais.  Perguntar ao psicanalista qual seria a reação mental de um megalômano ao descer do pedestal.  Por mais proximidade que tenha com o novo presidente, L.I. vai descer a rampa vertiginosamente, como se estivesse num tobogã.  Provavelmente entrará em estado de depressão profunda ou louco estado de agressividade (fico com a segunda alternativa). Talvez seja necessário que o amarrem .



Quando a vaidade é incontrolável e extrapola os limites,
é evidente a existência de algum problema psiquiátrico

 Lula em dia de autoelogios
Ricardo Stuckert/PR

Salvador – O presidente Luiz Inácio Lula da Silva viveu, na manhã de ontem, um momento de popstar. Ao participar da cerimônia de comemoração dos 60 anos da Refinaria Landulpho Alves, a mais antiga do país, em São Francisco do Conde, Recôncavo Baiano, Lula autografou macacões e capacetes de funcionários da empresa, tirou dezenas de fotos com os operários, foi carregado pelos trabalhadores e, em discurso para eles, não poupou autoelogios.

"O (presidente dos Estados Unidos, Barack) Obama falou que eu era ‘o cara’ há dois anos e ele ainda não conhecia as pesquisas (de popularidade) que estão saindo nesses dias, que dizem que nós vamos terminar o mandato com mais de 80% de aprovação, de bom e ótimo; se colocar regular, vamos chegar a 96%", argumentou, lembrando do encontro com o presidente norte-americano em abril de 2009, durante reunião do G-20 em Londres, quando Obama disse que Lula era o "presidente mais popular do mundo". "Se ele soubesse, ele ia falar: ‘pô, não é que esse cara é ‘o cara do cara’?"

Animado pelas novas pesquisas de avaliação de governo – como a divulgada ontem, pelo CNT/Sensus, que registrou mais um recorde de popularidade (79,4% de aprovação) –, Lula também disse ter saído na capa de "umas quatro revistas francesas" esta semana, "todas falando bem". Enquanto discursava, lendo um texto, a plateia pedia para que ele chegasse mais perto, para fotografar. "Deixe-me terminar esta parte aqui que eu caio nos braços de vocês", respondeu o presidente – que depois cumpriu a promessa e foi receber os afagos dos fãs, antes de seguir, de helicóptero, para o Palácio de Ondina, residência oficial do governador Jaques Wagner (PT), com quem almoçou.

Na comemoração pelas seis décadas da refinaria baiana, Lula lembrou do aniversário da Petrobras – faz 57 anos no domingo – para falar sobre a eleição. "No domingo, o povo brasileiro vai às urnas para escolher o projeto de desenvolvimento que deseja para nossa nação", disse. "É a hora sagrada da democracia: cada cidadão vale um voto." Sem citar, Lula também fez referência aos recentes escândalos envolvendo o governo federal – disse que está "com a consciência tranquila" – e incluiu a plateia entre os que defenderam seu governo. "Vou encostar a cabeça no travesseiro, no dia 2 (de janeiro), em São Bernardo do Campo, com a consciência de quem foi honesto com o povo brasileiro, de quem sabe que fez muita coisa", disse Lula. "E isso se deve a cada um de vocês, porque, nos momentos mais difíceis que eu passei no governo, quem foi para as ruas, quem disse ‘se mexer com ele, mexe comigo’ foram vocês.."

Autossuficiência Além disso, o presidente, falando para trabalhadores do setor, disse que a extração do petróleo da camada pré-sal vai representar "uma gigantesca poupança nacional". "(Ela será) capaz de promover a eficiência da economia, a erradicação da miséria e de universalizar o acesso a uma educação pública de qualidade, da creche à universidade", garantiu. "Os planos da Petrobras preveem que seremos autossuficientes em derivados (de petróleo) até 2014 e estamos adquirindo refinarias em mercados estratégicos para processar o óleo do pré-sal em unidades próximas aos grandes centros importadores." À tarde, Lula participou da inauguração de um complexo de viadutos em Salvador, feitos com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), antes de seguir para Aracaju (SE).


NOTA:  Em sua semi-loucura, mais uma vez L.I. comenta sobre os "os momentos mais difíceis que eu passei no governo".  L.I. nunca teve momentos difíceis no governo, muito pelo contrário.   Esses rompantes de sofredor injustiçado,  provavelmente devem estar ligados às reportagens que narram os diversos escândalos de seu governo.  Escândalos muito mais graves que aqueles que motivaram o impeachment de Fernando Collor. .   http://wwo.uai.com.br/EM/html/sessao_22/2010/09/30/interna_noticia,id_sessao=22&id_noticia=153730/interna_noticia.shtml



Da mesma forma que jornalistas levaram anos para
comentar a megalomania evidente de L.I., o mesmo
vai acontecer com sua alucinação. 

Considerações finais de um brasileiro - Anderson Leite Lima




Quem quiser colocar aqui
sua opinião, sobre qualquer
candidato à presidência, baseada em
argumentos, sinta-se à vontade





  
Queridos eleitores.

É com imensa humildade que peço para que vocês pensem no rumo do nosso país para os próximos 4 anos.

Quero deixar claro meu repúdio por partidarismo barato, irracional, e puramente demagógico.

O projeto PSDB e PT são projetos puramente fictícios, o projeto apresentado por Plínio é muito extravagante, e o projeto de Marina é uma incógnita.

Apesar disso, embora não haja nenhuma opção qualificada para PRESIDENTE DO BRASIL, peço humildemente que todos vocês revejam seus conceitos, e votem em MARINA SILVA, é o projeto menos perigoso para nosso país.

Vi hoje claramente o quanto DILMA é um robô, não sabe nem se expressar, tudo o que sabe é decorado, blá blá blás, lula pra cá, lula pra lá.

Serra me preocupa por não ter projetos, está perdido dentro do seu próprio partido, está descrente, já jogou a toalha.

MARINA SILVA provou que além de saber expressar seus ideais, consegue contudo ter uma visão realista e futurística.


VOTEM MARINA SILVA
Sinceros e Fraternos Abraços




quarta-feira, 29 de setembro de 2010

PT nega suas verdadeiras opiniões em troca de voto




No programa Vitória em Cristo -11 de setembro deste ano,
o pastor Silas Malafaia sugeriu que os telespectadores
assistissem ao vídeo do Pr. Paschoal Piragine
sobre as eleições 2010. Nele, Piragine criticou o PT e pediu
aos internautas para não votarem
em nenhum candidato do partido.


E OS CRISTÃO TAMBÉM VOTARÃO NESTA CANDIDATA?



Pr. Silas recebeu carta de integrantes do PT sobre seu pedido aos fiéis.  Nem é necessário ler tal carta do partido porque apenas negam tudo o que todos sabem, inclusive o padre. Segundo eles,  "Não é verdade que deputados do PT foram expulsos por se manifestarem contra o aborto. É verdade que eles tiveram conflitos com movimentos de mulheres sobre questões relacionadas ao aborto, mas não houve expulsão."

Em resposta, o pastor Silas Malafaia defendeu a veracidade do que é afirmado no vídeo e afirmou em carta enviada aos integrantes do PT: "Espero que, se Dilma ganhar, vocês que são cristãos não fiquem envergonhados, e não se calem diante de coisas que virão por aí, e que só o tempo poderá nos mostrar."



RESPOSTA DO PR. SILAS MALAFAIA

“Sr. Geter Borges e Candidatos do PT,

Já que vocês me enviaram um e-mail apresentando defesa do Partido dos Trabalhadores em relação às questões que o pastor Paschoal Piragine levanta, gostaria de contraditar a argumentação de vocês. Antes de fazê-lo, quero deixar bem claro que não tenho restrições pessoais ao PT ou a qualquer outro partido. Os meus questionamentos têm a ver com os princípios que defendo, independente de partidos políticos. Esclareço também que sou amigo pessoal de Walter Pinheiro. Em duas eleições passadas, eu o ajudei. Já o citei várias vezes em meu programa de TV como exemplo de cristão na política. Ele tem a liberdade de usar a minha imagem na sua campanha, o que permito de maneira muito restrita a pouquíssimos candidatos.

Vamos aos fatos:

1. O deputado que saiu do PT, saiu por ter posição cristã contrária aos princípios do partido. E se não saísse, seria expulso. 

2. O PT está na vanguarda da defesa do aborto e da PL 122. Estes são fatos reais, verdadeiros. Inclusive, no último dia antes do recesso parlamentar no senado no ano de 2009, se não fossem os senadores Magno Malta e Demóstenes Torres, a líder do PT teria aprovado na calada da noite, por voto de liderança, a PL 122. Isto é uma vergonha, e vocês querem que a liderança evangélica fique quieta!

3. O PNDH3 foi enviado ao congresso pelo Sr. Presidente da República no dia 21/12/2009, e a vergonha é que, nesse documento, em vários pontos, só houve recuo em alguma coisa devido à pressão violenta da igreja católica. O PNDH3, sim senhor, é responsabilidade do governo Lula e do PT.

4. Lamento dizer, mas a verdade absoluta é que os princípios cristãos são inegociáveis para nós. Quanto a isto, o PT está do outro lado. Quero ser franco e honesto: eu só não entrei de cabeça na campanha do Serra, porque também não vi nele garantias de respeito a esses princípios. Nas duas vezes em que fui convidado para participar de audiências públicas pela Comissão de Constituição e Justiça, na primeira vez, que foi sobre a questão do aborto, os deputados que estavam defendendo a legalização do mesmo, eram do PT. Na segunda vez, no Estatuto das Famílias, os deputados do PT estavam defendendo a inclusão dos homossexuais a fim de beneficiá-los na adoção de crianças. Esta é a verdade nua e crua.

Espero que, se Dilma ganhar, vocês que são cristãos não fiquem envergonhados, e não se calem diante de coisas que virão por aí, e que só o tempo poderá nos mostrar. Sinceramente, honestamente, gostaria de estar equivocado em relação às posições do PT. Não ficarei triste se o tempo mostrar que estou equivocado nestas questões, porque no tempo presente, elas são a realidade dos fatos.

Um forte abraço!
Na paz de Cristo,
Silas Lima Malafaia”



 
No caso, não importam os valores de cada um, mas principalmente a forma mentirosa de negar suas opiniões, em troca de votos. Quem mente, omite suas idéias para ganhar eleitores não merece respeito, seja ele de que partido for.




Se ainda não se aposentou, VÁ ÀS URNAS DE AZUL.



 



Informação retirada do blog Coturno Noturno 
 
Estaria pronto um pacote (que eu chamaria de embrulho)  para ser implantado  (eu diria atirado) em cima do trabalhadô, mas só após - e logo após - a candidata do PT subir triunfalmente a rampa do palácio do planalto.  Entre idade e tempo de serviço, os homens teriam  que completar 105 anos para se aposentar; as mulheres, 100.  "A avaliação política é que a medida deverá ser tomada nos primeiros dias de governo, pelo desgaste que causará. "

Com detalhes na página:
O Partido dos Trabalhadores é bem interessante, mesmo.  Enquando briga para diminuir o tempo de serviço diário do trabalhador, pretende aumentar seu tempo de serviço para alcançar a  aposentadoria.  

Mas talvez tenha explicação: quem paga as horas de serviço dos oprimidos, que o PT pretende diminuir, é essa tal classe diabólica.  Enquanto a aposentadoria... bem, a aposentadoria quem paga é o governo, embora tenha sido paga pelo próprio trabalhador durante todo a sua vida de trabalho. 

Porém, é necessário fazer justiça.  Quanto mais aposentados, menos dinheiro sobra para que  "metam  a mão na massa".  Tudo pelo bem do pais.  

No final, pela magnanimidade de tantas "cestas, bolsas e pochetes"  distribuídas pelo governo, as fábricas estarão cheias de velhinhos, porém todos felizes para sempre.
Caso você não tenha ainda se aposentado e se assuste com a idéia de estar trabalhando compulsoriamente aos 75 anos de idade...


VÁ ÀS URNAS DE AZUL
E JOGUE O PERIGO PETISTA PARA O ALTO
Vamos mostrar qual a verdadeira
preferência de muitos brasileiros.








PT - segunda carta aos empresários. E VAMOS DE AZUL!



O PT enviará enviando tres tipos diferentes de cartas a empresários, afim de  arrecadar alguns milhões para a campanha de sua candidata à presidência.  Nos tipos diferentes de cartas, estão separados os que já fizeram doação a L.I. antes, dos que não fizeram.   Desta forma, os  empresários percebem que o partido tem uma lista de quem atendideu ao pedido anteriormente ou quais foram as empresas que se negaram a atender às  "necessidades"  do partido.




 Em agosto, Reinaldo Azevedo escreveu sobre uma nota que saiu na coluna “Radar” (Lauro Jardim) da revista VEJA "A delicadeza com que o PT toma o dinheiro das empresas para Dilma"


Um pequeno trecho:  “Em 2006. procurei sua empresa como coordenador financeiro da campanha de reeleição do presidente Lula. Naquele momento, sua empresa não aceitou o convite para contribuir com nossa campanha. De todo modo, acredito que ela tenha se beneficiado com os avanços conquistados pelo Brasil…”. Ou seja, daquela vez passou; mas agora é melhor contribuir.

*

Hoje, em sua coluna, Mírian Leitão fala sobre o mesmo assunto em "O tom do recado"
"A pergunta feita a um empresário, numa conversa com várias pessoas, foi: "É verdade que emissários do PT telefonam para empresas avisando que sabem quem não está fazendo doações para a campanha?"

O empresário respondeu: "Para mim, telefonaram e foram pessoalmente dizer que notaram que eu não tinha feito doação na última eleição nem tinha feito ainda nesta."

Eu ouvi essa conversa estarrecedora. Esse tipo de encaminhamento do pedido de doação, se estiver generalizado, é uma forma de ameaça.

A frase: "Notamos que você não fez doação na última eleição e ainda não fez nesta" pode ser entendida pelo que está embutido: estamos de olho em você." 


VAMOS ÀS URNAS DE AZUL PARA EVIDENCIAR
 A VERDADEIRA PREFERÊNCIA DOS ELEITORES

"VEJA" , você conhece o caso da tua mulher ?



Tentar uma lavadeira calar a boca é um caso sério,tinha uma lavadeira na comunidade que falava da vida de todo mundo, metia o pau nesse, naquela , em todo mundo. Era mesmo desbocada e gostava de um microfone.  Certo dia um sujeito metido,forte tentou emudecer a lavadeira numa roda de amigos;
- Vê se te enxerga nega, não tem envergonha de falar de todo mundo?
- Imagine, não falei nem a metade do que eu sei.
- Ora! você não sabe nada, só vomita asneiras.  Porque não cala essa boca.
- É, mas se eu calar a boca você não vai ficar sabendo que quando você sai pra trabalhar, sua mulher vai pra casa do Tião.
184 KIKO MALOCA
*

D.Rousseff caiu 10 pontos entre os eleitores de nível superior e quem ganha acima de dez salários mínimos.  O  que terá provocado a queda da candidata?  A leitura sobre as ameaças feitas por L.I. à liberdade de expressão, em um eventual governo  seu, ou ao escândalo em que a candidata está envolvida?

Para ilustrar: ARTIGO COM VÍDEO MOSTRA A TENTATIVA DE  'CALAR A BOCA'  DA REVISTA VEJA, NO SITE
http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,policia-militar-tenta-impedir-circulacao-da-revista-veja,615635,0.htm

*

Polícia Militar tenta impedir a circulação da revista ‘Veja’



Armados de fuzis, os PMs ficaram de prontidão no Aeroporto de Palmas à espera do voo que levava a revista  - 26 de setembro de 2010 / 20h 39 - Fausto Macedo e Bruno Tavares, de O Estado de S.Paulo



SÃO PAULO - A Polícia Federal teve de ser acionada na madrugada de ontem para garantir a distribuição dos 8 mil exemplares da revista Veja no Tocantins. Para tentar impedir que a publicação chegasse às bancas, o governo do Estado mobilizou efetivo de 30 policiais militares. Armados de fuzis, os PMs ficaram de prontidão no Aeroporto de Palmas à espera do voo que levava a revista.



Acionado na madrugada, o procurador da República Álvaro Lotufo Manzano requisitou apoio da PF para escoltar o carregamento do aeroporto até a distribuidora da revista em Palmas. Uma equipe de reportagem da coligação Tocantins Levado a Sério, rival de Gaguim nas eleições, filmou toda a ação.
Houve também o caso - frustrado - de censurar o Estadão em Tocantins. 



Juiz do TO censura 'Estado' em caso de corrupção que cita governador



Entidades protestam contra censura



Os PMs tinham a missão de localizar e apreender os exemplares de Veja. A revista, no entanto, não faz parte da lista de veículos de comunicação censurados pela liminar do desembargador Liberato Póvoa.



VAMOS ÀS URNAS VESTIDOS DE AZUL 
PARA EVIDENCIAR A VERDADEIRA PREFERÊNCIA DO ELEITORADO





terça-feira, 28 de setembro de 2010

Lula e Dilma - a burguesia detestada pelos PTistas





Fotos da candidata do PT -  que sempre  "lutou contra a burguesia" - em reunião na casa da viúva de Roberto Marinho.  Junto com seu marido sempre foram as figuras de grande representação da burguesia nacional.

Particularmente, nada contra a chamada burguesia.  Como disse o Antonio, em seu comentário,  essa raiva alucinada pela burguesia significa  a inveja dos incapazes contra os  que prosperaram na vida, sem levar em conta de  que forma o fizeram, ou porque não o conseguiram.  Trata-se aqui apenas deste sentimento azedo.



Abaixo um trecho da entrevista que L.I. deu ao O Pasquim, em 78:

"O Brasil está precisando é que o povo tenha dinheiro para comprar aquilo que produz. Se o trabalhador fabrica geladeira, tem para o ter geladeira. Se fabrica televisão, tem de ter televisão. Se fabrica carro, tem que ter carro. O mínimo que deve ter é que o que produz."   E o  repórter, então, pergunta: "Aí você não está querendo uma sociedade de consumo?"    



Sobre os comentários de uma PTista


VAMOS POR PARTE (para facilitar a 'análise')

  • 1 - (recado para o Anderson) : “tu ta parecendo um pequeno burgues, adimirando a classe social da tua querida Jurema. "classe dos improdutivos do Brasil"... que, ainda mantém o sonho do nome pomposo da familia. Como tu pode respeitar alguém que tenta denegrir a imagem de uma pessoa com acusacões fortes, tipo assassina, ladra e e outros adjetivos iqualmente horriveis.
Julia, como você pode dizer que sou burguesa, de classe social improdutiva? Você nem me conhece! E desde quando todos os que são, hoje, considerados burgueses são necessariamente improdutivos? Improdutivos, que eu saiba, são os banqueiros ou agiotas e os políticos que subam nosso dinheiro. Empresários, por exemplo, não são improdutivos, porque pelo menos produzem emprego, além de dar ao governo quase a metade do que arrecadam em impostos e serem os responsáveis pelo que é fabricado no país.  É bom lembrar que preconceito é preconceito, seja contra quem for. Ou será que o preconceito contra quem é burguês ou ganha melhor salário é aceitável?


  • 2 - Quando ao sonho de manter o nome pomposo da família, certamente não se aplica a mim. Cappelletti está nas mesas de todos os restaurantes de massa, onde pode ser digerido à vontade, com vinho, cerveja ou cachaça. Cada um come do jeito que quiser, sem      'pompa" nem circunstância.
Além do cappelletti, que é um prato de massa, Jurema é marca de ervilha e ainda tenho um outro sobrenome (que não uso): Dionísio, o deus do vinho. Portanto, pode ver em meu nome apenas uma refeição...completa, é verdade. Aproveito e te faço uma sugestão: sempre que for a um restaurante de massa, lembre-se de mim.  Me dê umas boas mordidas e, caso passe mal depois, tome um Sonrisal (percebeu aqui o método usado por L.I., antecipando o que podem dizer antes que digam? Aprendi com ele) .


De qualquer forma, todos têm direito de sonhar com o que quiser. Até com a pompa do seu nome de família, porque nem todos nasceram para curtir uma existência de “Zé ninguém”, e nem isso é obrigatório (ao menos por enquanto).

  • 3 - não entendo como podem fazer piadas, videos e caricaturas com tamanho desreipeito.
Caricaturas e piadas são uma forma de expor o que ocorre de maneira bem humorada e têm fundamento em fatos criados pelos próprios políticos tão ‘respeitáveis’. Em todos os países democráticos (palavra atualmente deformada por seu uso torto) existe liberdade para as piadas e caricaturas. Talvez isso não seja permitido, por exemplo, no irã.

  • Quanto ao assistencialismo...
“... o assistêncialismo que o presidente implementou. De fato ajuda muitos milhões de brasileiros."   
"Antes políticos davam apenas dentaduras, tijolos, e cimentos. Hoje distribuem dotes, casas populares e bolsas para todos os cantos."
"Meu amigo não acha que evoluimos? Eu prefiro ver politicos dando, casa populares, bolsa familia, bolsa escola as dentadura de antigamente!"

O assistencialismo serviria apenas como impulso inicial. Não para ser implantado do jeito que foi. O assistencialismo cria dependência e, conseqüentemente, a submissão.

Não cabe ao governo 'distribuir', mas consertar o país. Tornar a vida de todos digna, com capacidade para um bom salário, boa saúde e educação. Abrir os cofres e sair despejando o dinheiro alheio é fácil para qualquer um. Consertar o país, não.  É  trabalhoso, exige conhecimento e uma equipe decente. O que não foi feito nesses dois mandatos.

Talvez seja o maior defeito do brasileiro: se contenta com doações, fica feliz com muito pouco.

Na página acima,
os verdadeiros burgueses nacionais.



segunda-feira, 27 de setembro de 2010

VAMOS ÀS URNAS DE AZUL - E vamos cantar, minha gente!...


VAMOS ÀS URNAS DE AZUL !!!



Collor, ao se ver ameaçado, convocou a População para ir às ruas vestida de verde e amarelo, numa demonstração de apoio.  O Povo brasileiro saiu de preto e deixou transparecer seu modo de pensar.

Hoje vivemos com um fantasma a nos atormentar. O PT estaria manipulando pesquisas, com a intenção de alterar resultados, entrando no sistema das Urnas Eletrônicas.  Plano perfeito. Resultado anunciado, de acordo com números das Pesquisas. Ninguém desconfiaria de nada.

Devaneio? Teoria da Conspiração? Loucura?  Pode ser... Mas como descobrir, se as famigeradas máquinas não dão direito a conferência de votos?

Existe um antídoto, a esse veneno que paira no ar. Sair novamente às ruas, mostrando através das roupas, o que realmente queremos? 


No dia 03 de outubro,
quem não votar em Dilma, saia vestindo Azul.

A cor da Paz, da Liberdade e da Verdade.


Mesmo que pareça bobagem, não custa nada sairmos com uma roupa da mesma cor.  Ficaria bem evidenciada a preferência de grande parte dos eleitores e, além disso, estaríamos mostrando que nem todo brasileiro é submisso, acomodado, e mentalmente morto.


Espalhe a idéia, mesmo que ache bobagem
Não custa nada tentar

VAMOS ÀS URNAS DE AZUL
E vamos cantar, minha gente!

"Na primeira noite / Eles se aproximam / Colhem uma flor de nosso
jardim / E não dizemos nada. / Na segunda noite, já não se escondem /
Pisam as flores / Matam nosso cão / E não dizemos nada. / até que um dia
/ O mais frágil deles / Entra sozinho em nossa casa, / Rouba-nos a lua
e, / Conhecendo nosso medo, / Arranca-nos a voz da garganta. / E porque
não dissemos nada, / Já não podemos dizer nada" 

Maiakowsky