Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


sexta-feira, 8 de outubro de 2010

PARA DIVULGAR - Dilma - terrorismo e traição - REVISTA PIAUÍ



Este assunto está aqui desde 8 de abril de 2009.  Certamente poucos leram a página.  Sem contar que a  Revista Piauí  também não é muito lida  (só  leio quando apresenta algum assunto que me interesse).


VAKE A PENA LER NO FIM-DE-SEMANA E DIVULGAR

HÁ TRECHOS IMPERDÍVEIS
e o final  bem interessante

Até segunda









Lula, a farsa: MENTIR PARA VENCER



Um bom fim-de-semana para vocês,
se for possível, após ver o vídeo abaixo.








Dilma - central contra ataques na web


Não se trata apenas de ser ou não favorável ao aborto. Vai além disso. Se evidencia a mentira, a hipocrisia, a tapeação. O atrevimento de acusar, como boato, as palavras da própria candidata que estão em diversos vídeos na Internet.

O que disse a candidata, agora, sobre as evidências na web?  ' São boatos.'  É o mesmo que apontar para um rinoceronte e dizer que é um lindo peixinho.

PROVEM QUE TAIS VÍDEOS NÃO EXISTEM.



Transcrição - artigo de Gustavo Uribe
Agência Estado

A campanha do PT à sucessão presidencial deflagrou esforço concentrado para evitar que versões de assuntos polêmicos atribuídas a Dilma Rousseff prejudiquem a candidata no segundo turno.

O primeiro passo nessa direção foi dado ontem, no site oficial da presidenciável. A equipe de mobilização digital da campanha petista criou uma espécie de central "antiboatos", para a qual foi dado o nome de "em nome da verdade".
 
O objetivo é dirimir correntes de e-mails com informações falsas sobre a candidata que teriam tido impacto negativo no desempenho de Dilma nas urnas, levando a disputa presidencial para o segundo turno. A iniciativa, coordenada pela equipe de comunicação da campanha da petista, reforça o trabalho da Pepper Comunicação, que já era responsável por rebater e-mails de campanha falsos.

O secretário nacional de comunicação do PT, André Vargas, explica que a decisão de dispersar informações que esclareçam as polêmicas surgiu nesta semana, em reuniões de campanha após o primeiro turno. "Nós somos vítimas de uma campanha orquestrada de desconstrução de imagem", critica o petista, segundo o qual o PT utilizará ainda outros meios digitais para responder aos ataques na rede.

A expectativa é de que informações que esclareçam as questões sejam dispersadas também em blogs e redes sociais pela equipe do coordenador de conteúdos digitais da campanha do PT, Marcelo Branco. "Faz parte da nossa tarefa informar e não deixar que as pessoas acreditem nesses boatos", explica Helena Chagas, coordenadora da assessoria de imprensa de Dilma Rousseff.

No site, a campanha conclama os internautas a divulgarem e combaterem "os boatos na web". A primeira informação divulgada pela central responde a versão de que a candidata do PT teria dito em comício, no primeiro turno, que nem mesmo Jesus Cristo tiraria a sua vitória. "Dilma nunca disse tal frase, nem nada parecido! Dilma é católica, batizada e crismada", defende a campanha.
 
José Serra (PSDB), criou um espaço para responder a informações divulgadas pela internet, como de que um eventual governo do PSDB acabaria com o Programa Bolsa Família e privatizaria a Petrobrás.
 


CENSURA como projeto de governo- VÍDEOS PARA RELEMBRAR



"O ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência, Franklin Martins, disse ontem, em Londres, que o projeto do governo para um marco regulatório da radiodifusão poderá criar uma agência fiscalizadora de conteúdo. "A imprensa é livre. Não quer dizer que é boa", disse Franklin."

- Fala-se (a imprensa) o que quer, publica-se o que quer. O que não se quer não se publica, o que quer se esconder, esconde-se. A imprensa é livre. Não quer dizer que é boa. A liberdade de imprensa só garante que a imprensa é livre. A imprensa é boa dependendo dos jornalistas, dos grupos de comunicação e da sociedade, que é uma crítica severa quando percebe que a imprensa está ficando ruim. Não tem briga com o governo e a imprensa: a imprensa publica o que quer, mas se eu achar que uma coisa publicada não está correta, tenho o direito de dizer. Ou a imprensa está acima da crítica? O Papa não está acima da crítica. Deus que é Deus não está acima de crítica. A imprensa não está acostumada com a crítica, este é o problema
Segundo ele,  que "tanto lutou contra a ditadura" - a militar - há planejamento para que o conteúdo da imprensa seja regulamentado,  ou seja, o que significa limitar a liberdade de expressão ao que apenas agrade os governantes.


 


O minitro, na última frase fez uma tremenda confusão, pois  há  diferença entre a crítica e a mordaça.  E é isto que  -  não só a imprensa, mas todos nós - recusamos.   Nem é  preciso  "ideologizar" coisa alguma.  Regulamentar a mídia é censura, sim.  Quem não gostar do que leu,  processe o jornal, a revista ou o autor, mas , numa democracia (palavra tão falsamente usada que se tornou enjoativa)   o direito de expressão é livre .

Para Franklin Martins, que já foi comentarista de um jornal na TV: "A imprensa é livre, mas não quer dizer que é boa." Diz ainda que a resistência à interferência do governo é vista como CENSURA . Para se justificar, o ministro distorce a verdade mais óbvia, o que se tornou um hábito, e afirma que deologizar é dizer que regulação é atentado à liberdade de imprensa.  E é mesmo.


"É preciso criar normas
que regulamentem a imprensa",
porém se recusou a detalhar as propostas

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

 

Lula/Dilma - opinião sobre intelectuais


Estou impedida de colocar imagens no blog,
até mesmo os já colocados antes.
Aparece o aviso: servidor rejeitado.
Sei lá que servidor é esse! Será que meus
alfarrábios se tornaram servidores? 
Mas não é problema, Ricardo, o melhor técnico
que conheço, resolve isso depois.


Ao menos aqui no Rio de Janeiro, que hoje poderia ser considerado o  "Estado da Majestosa Pobreza" por sua enorme quantidade de favelas, a candidata do PT tem apoio de intelectuais e artistas.  Interessante estarem sempre juntos quando se trata de política.  É como se trabalhar em novela, por exemplo, desse intelectualidade a alguém.  Mas, se assim ficou 'tachado', deve ser o correto.


Como a candidata PTista é uma espécie de apêndice de L.I. e ele não mudou em nada seus discursos desde a época de sindicalista, aqui abaixo vai o que  ele  disse  sobre intelectuais na entrevista à Revista Especial. nº 5, em abril de 80.



- É, lá no Congresso das Mulheres ela se levantou e pediu pra falar sobre anistia, mas você lhe negou a palavra.
- Sofri na carne a prisão de um irmão preso político, mas nem por isso vou passar a brigar pelo meu irmão ao invés de por todo mundo  (alegação característica de L.I.). Quero deixar bem claro que não sou contra a anistia, acho que todo mundo deve voltar a fazer política e defender suas idéias, mas minha anistia, eu quero ela mais ampla. Resolvendo apenas o problema dos cassados, os trabalhadores ficarão do mesmo tamanho: f... e mal pagos. Como sempre estiveram (e continuam até hoje). Os cassados. Os cassados um dia já tiveram liberdade.

- Mas o caso da Zerbini. (entrevistador insistiu no caso) 
 - A gente estava num congresso aí de mulheres e ela foi lá com uma moção sobre Constituinte e Anistia Ampla, mas o pior é que ela falava nisso e ninguém sabia o que era a palavra “anistia”. No outro dia tinha diretor de sindicato com dicionário na mão! (Seria este um motivo de lhe negar a palavra, ou só ele queria aparecer diante da platéia?)
 
 
- Mas você disse que o trabalhador não sabia o que era ‘sindicato’  (touchè!). - Alguns trabalhadores sabem, sim (teria mudado de opinião?)  E a prova disso é que o Sindicato dos Rodoviários aqui no Rio formou uma posição a favor: anistiou todos os sócios que estavam em atraso.  ...  (controvérsia, mentira, tapeação?)


- Lula, eu te dei uma paulada no Pasquim porque você repetiu Joãozinho Trinta, dizendo que quem gosta de miséria é intelectual, e que o povo gosta é de luxo. Esse pensamento dele é coisa de bichona, o intelectual procura descobrir as causas da miséria.
- Não aceito muito o teórico, por isso conto a coisa prática. Você vai pedir perdão depois que eu contar. Você não viu o Congresso das Mulheres. As intelectuais, as feministas, apareceram lá todas maltrapilhas, até com cabelo no sovaco, pra se identificar com as trabalhadoras. Mas essas apareceram com as melhores roupas delas, com os melhores penteados que podiam fazer, pintadas, com sapato novo... Senti um contraste tremendo: umas lá de cima querendo descer, e as lá de baixo querendo subir. É por isso que eu disse aquilo.

*

... no dia em que eu tiver que mentir para os trabalhadores,
eu largo, eu deixo de ser representante.
Palavras do mentiroso L.I. em entrevista à xênia bier

Se alguém quiser negar que L.I. é um tremendo mentiroso, antes, se lembre daquele caso em que ele disse uma coisa no palanque do nordeste e, no mesmo dia, mais tarde, afirmou o oposto no palanque do sul.



 

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Michel Temer, vice-presidente da candidata do PT


No artigo abaixo, Alberto Dines faz comentários sobre Michel Temer, o vice-presidente da candidata do PT à presidência da República.  (21/4/2009)



Jornalista,  professor de jornalismo, escritor,
responsável pela criação e direção de jornais e revistas.
Driblou, durante anos,  a ditadura à frente do Jornal
do Brasil e foi demitido por publicar um artigo
que contrariava a direção do jornal.


Temer, impoluto e desmemoriado
- artigo na íntegra -

A biografia oficial de Michel Temer não registra o que fazia em 1964, mas um político com este currículo não tem o direito de ignorar o que se passou no Brasil naquele ano nem, muito menos, fazer a seguinte declaração nas “Páginas Amarelas” de Veja (edição 2109, com data de capa de 22/4, páginas 17-21):

“O Legislativo só é enaltecido quando o país está saindo de um regime autoritário. Na história brasileira sempre foi assim. Em 1964, o Congresso estava com sua imagem no chão, o que deu no regime militar, instaurado com o aplauso da maior parte da população.”

Em 1964, o Congresso não estava desmoralizado nem o golpe militar foi desferido em função do que lá se passava. A oposição a João Goulart e sua base de apoio eram compostas por parlamentares da melhor qualidade. Os debates na Câmara – embora sem o brilho de legislaturas anteriores – eram seguidos com grande interesse pelos jornais e seus leitores. Os repórteres cobriam o plenário, lá estava o centro nervoso do país.

Em nenhum momento, antes, durante ou em seguida ao 1º de abril de 1964 registrou-se qualquer manifestação contra a atuação do Legislativo – os militares queriam derrubar Jango. O Congresso foi preservado e as cassações que se seguiram não o deslustram, ao contrário, só comprovam a coragem e o desprendimento daqueles que se rebelaram contra a ilegalidade.


Detalhe esquecido

Na frase seguinte o “historiador” Michel Temer ainda ousa dizer que “o Legislativo praticamente não existiu até 1982″. Tremenda burrada: o Legislativo resistiu bravamente, o Pacote de Abril (1977) não foi decretado para punir as bandalheiras de congressistas, mas para atalhar a sua capacidade de resistir ao arbítrio.

Essas absurdas “releituras” da nossa história política não são acidentais nem surtos de amnésia de um quase setentão. A estratégia adotada pela dupla Temer-Sarney pretende confundir o cidadão e mostrar que o Congresso sempre foi corrupto, inconfiável, por isso foi instaurada uma ditadura de 21 anos. Se não queremos repetir a dose – raciocinam eles – devemos deixar que os parlamentares avacalhem o país.

Conclui o impoluto Temer: “É preciso preservar a instituição dos erros de poucos.”

Na segunda-feira (20/4), dois dias depois da publicação da entrevista, o site Congresso em Foco revelava que o presidente da Câmara viajou a Porto Seguro, durante o recesso de janeiro de 2008, acompanhado de quatro familiares, todos com as passagens pagas pelo contribuinte. Esqueceu disso quando concedeu a entrevista.


Este é o vice-presidente da candidata PTista.


Michel Temer seria o oposto das 'intenções' petistas, lulistas, dilmistas... desde criancinha. Muito estranho que, agora, tenha sido convidado para a vice-presidência.  Tanto por seus ideiais - falsos ideais! - quanto por gula pelo poder.  Qual dos dois partiria, para cima do outro, primeiro?




Blog: A revolução dos Bichos e o PT


"Vou separar um trecho e colocar aqui
para comparar com  fatos que
desmoralizam a seriedade do PTista."


Havia me comprometido a colocar aqui alguns trechos do livro "A Revolução dos Bichos", de George Orwell, mas seriam tantos trechos, que foi melhor abrir um blog com a transcrição completa do livro.  Sua leitura é imperdível, mas basta ler os trechos destacados em vermelho para que a evidente semelhança com o  PT - o partido  que  seria  dos trabalhadores -  exploda em cima dos ingênuos, desde que não sejam uns "pocotós". http://falsamente-revolucionarios.blogspot.com/


A revolução dos Bichos - George Orwell



Este livro teria sido escrito, inicialmente, para evidenciar a injustiça entre os donos/escravos, patrões/empregados. Mas pode ser visto, também, de outra forma: os revolucionários que reagem contra o poder e acabam se tornando exatamente igual àqueles contra quem lutaram, enquanto seus 'companheiros' se tornam seus escravos. Comparem os trechos marcados em vermelho para comparar com o atual governo PTista. Jurema Cappelletti
 
 
 
 

Dia da eleição, 31 de outubro - DIA DAS BRUXAS







O Dia das Bruxas é comemorado na noite de 31 de outubro.  Por coincidência, será o dia da eleição que definirá nosso próximo presidente da república.




Não acredito em bruxas,
mas que elas existem, existem.


BOATO? Então, PROVEM QUE OS VÍDEOS NÃO EXISTEM.


Só mesmo num país como o nosso, recheado de  'pocotós' (como diz Luciano Pires) algumas pessoas podem acusar de boato o que está comprovado em diversos vídeos, nas palavras da própria candidata do PT.  Quem pode negar o que está gravado?  É só conferir nas diversas páginas da Internet e, principalmente, no Youtube.  Em um deles, por exemplo, vemos a verdadeira Dilma -  não a candidata, que não passa de uma montagem política -  curta e grossa, antipática e dizendo o que agora desmente.


E TODOS, JUNTO COM A  "MONTATEM DO PT",
TENTAM DESMENTIR?  COMO?

ESTÁ GRAVADO EM DIVERSOS VÍDEOS



Não cabe, agora, discutir o assunto.  O que é aceitável para uns, não é para outros e ponto final.  Cada um pensa como quiser.  Além disso, o fato de ser proibido não impede  que cometam o aborto.  NÃO É ESTE O CASO.



O que se discute é a mentira, a hipocrisia, a falsidade.  A cara-de-pau de negar o que está na frente de todos.  Exatamente como faziam os bichos que tomaram o poder na história narrada no livro A Revolução dos Bichos.  Vou separar um trecho e colocar aqui para comparar com o este fato que desmoraliza a seriedade desta PTista (?).

Até mesmo homens religiosos - ora vejam, só! -  afirmam seu apoio a uma candidata que vai contra tudo o que eles pregam aos seus fiéis.  Naturalmente, usam o seu poder de convencimento em troca de interesses políticos. 

Vemos religiosos, que seriam defensores da vida, trocando suas crenças por vantagens.  O que eles poderão alegar a quem sabe que não se trata de boato ?   Dirão que é em favor das pobres coitadas que se arriscam por causa da  criminalização do aborto?  Ou terão coragem de dizer que, mesmo não sendo criminalizado,  o risco será exatamente o mesmo, pela falta de atendimento médito decente?
Quem discorda e  "acredita" que as idéias atribuídas à candidata não passam de boatos, digam, então , que os tais vídeos não existem.  Aí, sim, podemos conversar.


Ao invés de dizerem "isso é um boato",
digam  "esse vídeo não existe".

Mas,  naturalmente, provem  a sua inexistência,
senão perde a graça.








quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Depois de acompanhar o vídeo da página anterior...



A candidata petista teve escolha  quase maciça entre os eleitores presidiários - indivíduos que de tão irresponsáveis não deveriam ter direito a voto.  Além deles, ela tem apoio  dos que não são, mas  também deveriam ser presidiários: os meliantes políticos. 


A imagem de alguns lamentáveis exemplos
do meio em que a candidata do Pt tem grande aceitação






Como o computador teve outro piripáki,
amanhã faço o que não fiz hoje.

Acho que vou começar a agir numa Lan House.



O que há de pior na política nacional apoia a candidata Dilma


Nossas fotos no Avatar
 "Dima, não!"




Quem apoia a candidata do PT

Collor - sofreu impeachmenta e foi afastado da presidência
José Ribmar, o Sarney - seu triste histórico está no livro  O Chefe
José Dirceu - afastado do Ministério da Casa Civil
Erenice - também afastada, recentemente, do Ministério da Casa Civil
Paulo Malluf - já esteve preso
Hugo Chaves - seu grande companheiro
José Genuíno  

MAIORES DETALHES, EM SEGUIIDA







Vamos apresentar a candidata às pessoas que não usam a Internet


O vídeo abaixo, já divulgado anteriormente,
confirma a verdade sobre Dilma:

 


  • Inauguração do que já existe - tapeação;  
  • Afirma que não vai acontecer o que acontece em seguida;
  • A verdadeira Dilma, ainda não totalmente 'fabricada',  fala de maneira ríspida com a repórter; 
  • Contradição sobre o controle da imprensa; 
  • 'Veste a camisa', ou melhor, põe o boné do MST - mentira;
  • Ligação com a FARC - falsidade
  • Defende José Sarney, um dos políticos mais desonestos do país

Muitos eleitores não têm acesso à Internet, mas precisam saber quem é a candidata do PT, uma pessoa grosseira (ESTÁ NO VÍDEO), ríspida (ESTÁ NO VÍDEO), antipática(ESTÁ NO VÍDEO), , mentirosa(ESTÁ NO VÍDEO) .  Apenas internautas não definem a eleição. 



Quem quiser, tem liberdade para
 fazer o comentário que quiser. 
Mas sem esquecer que agressões pessoais
 não são argumentos, muito pelo contrário, apenas
 reforçam o que já está confirmado. 




terça-feira, 5 de outubro de 2010

Folha de São Paulo procura os esqueletos do armário da Dilma

Hoje STM decide se revela os
os esqueletos do armário da Dilma

Transcrição -  Folha de São Paulo:

"O plenário do STM (Superior Tribunal Militar) julga hoje mandado de segurança protocolado pela Folha para que o jornal tenha acesso aos autos do processo que levou Dilma Rousseff (PT) à prisão durante a ditadura (1964-85).

Os ministros do tribunal militar vão analisar o pedido após negativa, feita na semana passada, pelo ministro Marcos Torres, relator do caso.  Em sua decisão, Torres alegou que não poderia tomar a decisão antes do STM.   Disse ainda que o jornal poderia ter solicitado acesso ao processo anteriormente, e não às vésperas da eleição.

No recurso jurídico, a Folha justificou a necessidade do acesso agora para que os leitores tivessem conhecimento do passado de Dilma. No dia 17 de agosto, a Folha revelou que o processo sobre a petista estava trancado em um cofre da presidência do STM.

O material foi retirado dos arquivos e mantido em sigilo por decisão do presidente do tribunal, Carlos Alberto Marques Soares. Marques Soares alegou querer evitar o uso político do material e também que o processo encontra-se em “estado de fragilidade, de difícil manuseio”.  

O mandado de segurança foi protocolado depois que Marques Soares negou acesso ao processo requerido pelo jornal. Taís Gasparian, advogada do jornal, fará sustentação oral, na sessão, pela liberação do processo."

***


Talvez seja uma forma de apelação,  até não muito elegante, por parte do jornal.  Mas isso é bem discutível.   Caso a candidata estivesse  'vasculando seus armários'  em busca da comprovação de  grandes feitos em antigas eras, por exemplo, não seria condenável.  Significa, então,  que só existe erro quando se procura algo que não se gostaria de ver divulgado.  Conclusão>  quem não tem o que esconder, não deve ir contra qualquer tipo de busca em seu passado.  Lembrando que as pessoas, quando se envolvem na política, devem estar preparadas para ter sua vida  "como um livro aberto" aos eleitores que precisam conhecer seus candidatos.

Além disso,  os que agem de maneira deselegante em relação aos outros, não podem exigir que eles retribuam de maneira diferente.   E, muito pior do que procurar o passado de  'guerrilheira' ,   comentado por ela própria aos quatro ventos, é vasculhar o imposto de renda e as contas pessoais de seus opositores.





O verdadeiro Brasil - quais seriam os erros no vídeo abaixo?



video






Será que os eleitores conhecem Dilma, Lula e o PT ?


A maior parte dos eleitores do PT votam de maneira limitada, visando apenas suas necessidades mais básicas.  Não percebem que tais necessidades - como comer, por exemplo - é um direito,  que deve ser exigido de qualquer governo, inclusive o atual, ao invés de ser considerado um favor a ser retribuído com votos. 

Os  eleitores precisam saber o que vem acontecendo, se não for através da Internet, que seja através de  conversa, na base do bate-bapo, num esforço para que compreendam o que significa esse partido, visto por eles como o salvador da pátria... e de seus estômagos.

Abaixo, vários 'causos' em um vídeo só.




Temos grande responsabilidade em
afastar um futuro negro.


ABORTO - O efeito da Internet na divulgação das mentiras de Dilma


Seja qual for a opinião de cada um de nós sobre o aborto, o que importa, agora, não é simplesmente o que pensa Dilma Rousseff sobre o assunto.   Vai além disso.  O que importa é ver uma candidata mentir deslavadamente, por interesses políticos, negar o que disse antes e ainda acusar de boato o que está em diversos vídeos. 

Os representantes de quaisquer religiões não podem misturar política com tudo o que pregam em suas igrejas.  Portanto, vamos entrar em contato com todos eles e cobrar uma atitude digna, para que não percam o respeito de seus fiéis.

Abaixo do vídeo, transcrição da reportagem n'O Globo, de hoje


Cruzada pelo voto conservador
Dilma e aliados traçam estratégia para tentar reconquistar evangélicos e católicos(Cristiane Jungblut, Gerson Camarotti e Maria Lima)
*
Depois do anticlímax para os petistas com a realização do segundo turno, o comando da campanha da candidata Dilma Rousseff iniciou uma ofensiva ontem mesmo, com ajuda de uma força-tarefa formada por governadores e senadores eleitos, para reanimar a militância e reverter a sangria dos votos evangélicos e católicos ocorrida na reta final do primeiro turno.
*
Na reunião fechada, Dilma e aliados reconheceram que perceberam tarde demais o efeito da campanha na internet com boatos  de que ela era contra valores da vida e a favor do aborto. E que subestimaram o movimento de perda de votos entre cristãos. A reconquista desses votos passou a ser uma das principais estratégias para o segundo turno.
(VÍDEOS MOSTRAM QUE NÃO SÃO BOATOS OU DIFAMAÇÕES COMO ELA REPETE DIVERSAS VEZES)
*
— Foi uma campanha perversa, com inverdades    sobre o que penso, o que digo. Lançaram inverdades . Estou analisando como vamos nos comportar. Vamos fazer um movimento no sentido de esclarecer com muita tranquilidade nossas posições. (A campanha) foi feita com base em calúnias e difamaçõesEstávamos inocentes. Mas estamos muito atentos a isso. A gente percebeu tarde, mas percebeu — disse Dilma, em entrevista acompanhada de dez governadores aliados eleitos, senadores e apoiadores num hotel de Brasília.
*

Ela não acusou ninguém diretamente sobre a autoria da campanha.  — Não apareciam — disse. 
(POLITICOS SEMPRE ACHAM QUE TODOS AGEM COMO ELES, POR INTERESSES POLITICAMENTE ESCUSOS.  A FOME PELO PODER OS TORNA INCAPAZES DE PERCEBER QUE AS PESSOAS PENSAM DE FORMA TOTALMENTE DIFERENTE, DECENTE, HONESTA, SEM OLHAR APENAS PARA A CADEIRA ONDE PRETENDEM SE SENTAR PARA SE APROVEITAR)
*
Além dos aliados eleitos domingo, parlamentares do PT ligados às questões religiosas estão entrando em campo para desfazer a imagem negativa de Dilma nesses setores, em especial entre evangélicos. Parlamentares reclamam que avisaram a cúpula do PT da campanha sobre o crescimento de Marina e a "demonização de Dilma", mas não foram ouvidos.
(CABE A NÓS FAZER O MESMO, PORÉM, AO INVÉS DE MENTIR COMO ELES PRETENDEM FAZER, DEVEMOS MOSTRAR O QUE NÃO PODE SER NEGADO, A NÃO SER QUE OS VÍDEOS SEJAM APAGADOS, COMO JÁ ACONTECEU EM OUTRAS OCASIÕES).
*
Estão sendo arregimentados Gilmar Machado (PT-MG), da Igreja Batista, amigo de Marina, e Benedita da Silva, do Rio, além do chefe de gabinete de Lula, Gilberto Carvalho, que tem fortes laços com a Igreja Católica. O secretário-executivo do PT e coordenador da campanha de Dilma, José Eduardo Cardozo, disse que ela já explicou "à exaustão" sua posição.
*
— Foi uma jogada pouco ética — disse Cardozo. 
POR QUE POUCO ÉTICA?  FALTA DE ÉTICA É SE DIZER CONTRÁRIA AO ABORTO E CHAMAR DE BOATO O QUE ESTÁ GRAVADO EM DIVERSOS VÍDEOS.   DIVULGAR FATOS REAIS E AS MENTIRAS DA CANDIDATA, QUE PRETENDE SER PRESIDENTE DA REPÚBLICA, É O CORRETO.  FALTA DE ÉTICA É ESCONDER A REALIDADE E MANTER O POVO NA IGNORÂNCIA.
*

O governador Marcelo Déda (PT-SE), um dos primeiros a chegar ontem a Brasília para a força-tarefa de Dilma, disse que essa boataria quase atingiu sua reeleição na reta final e estimou que tenha perdido cerca de seis pontos percentuais nos últimos dias com os ataques religiosos.
*
— Essa queda de Dilma e um crescimento de Marina Silva no final se deve ao recrudescimento do fundamentalismo religioso. É o efeito do púlpito nas igrejas — disse Déda.
O QUE SE DIRIA, ENTÃO, SOBRE O  "RECRUDESCIMENTO"  DO USO DO ASSISTENCIALISMO PARA FINS ELEITORAIS?   SOBRE A TRANSFORMAÇÃO DO QUE SERIA  "BOM PARA O POVO"  EM ALGEMAS AOS NECESSITADOS, QUE SE TORNAM CADA VEZ MAIS DEPENDENTES DE UM GOVERNO OPORTUNISTA?
*
— Nos últimos 30 dias houve muitas críticas e nos últimos 15 dias, especialmente, houve uma campanha fascista de boataria (?) — reforçou o governador Eduardo Campos (PSB-PE).*
*
A campanha de Dilma também identificou que, em vários segmentos da Igreja Católica, principalmente dioceses comandadas por bispos conservadores e moderados, houve recomendação de voto contrário à petista. Por isso, além dos evangélicos, haverá trabalho especial para recuperar o voto dos católicos.
 *
Ontem, o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ), bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, confirmou que em várias igrejas evangélicas houve pregação contrária à Dilma e reconheceu que isso teve influência.
*
Ele aposta que é possível reverter parte da evasão de votos com um trabalho de conscientização. E explicou que a reunião da semana passada com líderes católicos e evangélicos não foi suficiente para conter a sangria.
*
QUE CONSCIENTIZAÇÃO SERÁ ESSA? FAZER O POVO ACREDITAR NAS MENTIRAS DE DILMA, QUANTO À SUA VERDADEIRA OPINIÃO SOBRE O ABORTO ?
*
— Aquela reunião da semana passada não chegou na amplitude necessária. Os pastores podem ter dificuldade para conseguir votos dos fiéis. Para tirar o voto, o efeito é inverso e os pastores tem muita influência — disse Crivella, afinando o discurso para o público evangélico.
*
O governador Jaques Wagner (PT-BA) chegou a admitir que o grande erro da campanha foi ter feito previsão de vitória em primeiro turno.*— O erro foi de planejamento e de imaginar que venceríamos no primeiro turno. Numa campanha de dois turnos, é um equívoco apostar numa vitória no primeiro turno.

Agora, a campanha de Dilma ficou refém dos aliados para ter novo impulso. Vários aliados não escondiam o alívio com a mudança de comportamento. A própria Dilma passou a telefonar pessoalmente para todos para o evento.

*— Imagine se a Dilma tivesse sido eleita em primeiro turno. A vida estaria difícil. Voltamos a ter importância no jogo — revelou um senador.




MST e PT - em vídeo.





A RESPONSABILIDADE,

AGORA, É NOSSA

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Contra a "montagem" chamada Dilma



  • Gilberto Gil foi ministro de L.I., mas está pedindo para não votarem na Dilma/Temer

  • Heloisa Helena, uma das fundadoras do PT, é contra a candidatura  Dilma/Temer

  • Marina Silva, um ícone no PT, saiu e foi para o PV, junto com muitos petistas 

  • Joelmir Beting, jornalista e sociólogo renomado, está pedindo para não votarem na Dilma/Temer

  • Arnaldo Jabor,  crítico e comentarista do Jornal Nacional e do Jornal da Globo também está pedindo para não votarem na Dilma/Temer

  • Marília Gabriela também está pedindo para não votarem na Dilma/Temer

  • A Conferência Nacional dos Bispos do Brasilta também está pedindo para não votarem na Dilma/Temer

  • Pastores de todo o Brasil estão se mobilizando contra a candidatura da Dilma/Temer.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Dilma, a candidata do PT, existe ou é...


... um invenção criada para concorrer a Presidência? 


Qual delas é a verdadeira Dilma?  A conhecida mulher ríspida, que nunca sorria ou essa candidata tão simpática, com aquele sorriso 24 horas por dia?



Em quem o eleitor votou?  Na candidata "que conhece muito bem o Brasil de ponta a ponta"  ou na Dilma, para quem a Baixada Santista fica no Rio de Janeiro e pensa que o nordeste não pertence ao nosso país?  





Quem existe, de fato?  A candidata sorridente que se diz contra o aborto, ou a Dilma que se diz favorável à discriminalização do aborto e, na entrevista abaixo, é incapaz de mostrar um mínimo de simpatia ? 


Qual das duas é a verdadeira? 

Qual das duas é apenas uma figura, uma
montagem criada para concorrer à Presidência?

Caso vença as eleição,
qual das duas será a presidente do país? 
Dilma ou a figura que foi montada?



 

A felicidade do brasileiro diante de um latão de lixo


O Senado Federal se tornou um latão de lixo.  É um latão de lixo,  dispensável para nós.  Mas uma caixa de presentes finos para quem se elege graças à estupidez fabricada por governos que fazem questão de ignorar a área da  educação. Educar prá quê?

E o povo... ora... estudá prá quê?  Agora não há mais constrangimento em  admitir  a condição de um ser inútil em sua  "sustentabilidade". Ih!  Acho que aprendi isso com a Marina!

O governo sabiamente troca a  oferta de boas escolas  por  'melhora financeira'.  Hoje, por exemplo, é maior o número de pessoas que podem  se endividar com prestações. E muitos já podem até e comer melhor!   Comer melhor?!?  ... Agora fiquei na dúvida!  Isso não seria natural num país decente ?  Talvez esteja enganada. 

É verdade que o brasileiro não tem instrução nem atendimento médico, mas   que importância tem, se agora o povo  arrota satisfeito?

A incapacidade mental foi institucionalizada, por levar felicidade a todos. Tanto aos  incapazes de perceber o que acontece, quanto aos políticos trambiqueiros que não oferecem nada, mas convencem de estar oferecendo tudo. 

Não há nada melhor no mundo do que o nosso Brasil, recheado de  eleitores em estado apoplético diante das campanhas eleitorais.   Um povo capaz de eleger  os garotinhos, os ratinhos, os tiriricas,  os renans e até mesmo um poste, pois, como disse a própria candidata do PT,  "é bom eleger um poste, porque ele tem luz".   




Temos, ainda, o caso de um ou outro jogador de futebol, por exemplo,  que se torna um eminente parlamentar.  Logo depois de assumir o cargo, ele dá um belo chute no traseiro de quem o elegeu, sem correr o risco de causar alguma revolta.  Pois futuramente  o eleitor  chutado ainda dirá, orgulhoso:  "Viram só?  Isso é que chute! "  O chutador de traseiro dará gargalhadas e será reeleito pelo resto da eternidade. Ele, sua mulher (a atual e a subsequente), os filhos, os primos, os tios, os vizinhos ...



Isso é que é Brasil!