Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


quinta-feira, 26 de maio de 2011

Quando os interesses atropelam a 'ideologia'...



Não interessou ao governo a revolta de grande parte da sociedade por causa do kit gay, destinado às criancinhas e a favor dos gays, que são minoria (ao menos por enquanto).  O perigo de sua distribuição nas escolas não  foi afastado pela moralidade, mas pela roubalheira de Palocci e os interesses escusos do governo.    

Pela necessidade de apoio a Palocci – seja lá qual for, direita ou esquerda, verso ou... transverso – o governo jogou o kit gay para o alto.  Ameaçado pela mui religiosa bancada evangélica, voltou atrás em todas suas afirmativas contra a homofobia e em defesa do homossexualismo. Ou, melhor dizendo, a favor do gaysismo, que são coisas totalmente diferentes.


Por estar sempre metido em trapalhadas, parece que o ministro Palocci dá mais trabalho do que apresenta.  Dessa vez ainda obrigou a presidente PTista Dilma  a fazer o papelão de trocar ‘ideologia’ pela defesa da desonestidade de um amigão de L.I.

Para registrar: CEF informou à Polícia Federal que a quebra do sigilo bancário contra Francelino foi feita nos escritórios de Palocci. E não venham nos dizer que foi falcatrua do motorista ou da faxineira e que ele, um santo homem, não sabia de nada.  A empresa do ministro, em apenas dois meses do ano passado, faturou R$ 10 milhões. Se faturou tanto com um trabalho decente, deveriam dar a ele a presidência da república para enriquecer o país  (bela sugestão dada por um leitor em Cartas do Globo).

A defesa do ministro  Palocci é mais uma carta no baralho de tarô que vislumbra a completa derrota moral do PT.  É mais um argumento para a lista que desmoraliza o PT.

Para finalizar uma evangélica imoralidade: a bancada de políticos do gênero religioso ameaçou apoiar a ida do ministro ao Congresso caso a cartilha continuasse sendo produzida.  Significa que a seriedade, a honestidade  não existe no mundo do escambo chamado Congresso.  Não há dúvida: políticos não passam de quengas que vivem do 'toma lá, dá cá".  Amém.


 Adaptação



Um comentário:

  1. É muito pior do que se imagina. A praga das "consultorias de petistas" está chegando com força nos municípios. Na prefeitura petista de Maricá, Zé Dirceu botou dois braços: MARCELO SERENO e MARIA HELENA ALVES OLIVEIRA, que já “trabalhou” com LINDBERGH FARIAS, em Nova Iguaçu. Os dois secretários têm CONSULTORIAS no ramo: ele é secretário de Indústria, Petróleo e Comércio; ela, secretária de fazenda, e interina em mais 4 secretarias estratégicas. Quaquá, o prefeito, tem 5 pedidos de CPIs, e dez processos no MP, por diversos motivos. Maria Helena veio de Manaus, onde é processada pelo vereador Marcelo Ramos, por direcionar licitações em favor da empresa da família – a DSF. Em Maricá, assinou contratos milionários com DELTA S/A, HOPE CONSULTORIA, CONTROLLER CONSULTORIA, DBseller, PEÇA OIL DISTRIBUIDORA, ENGEBIO, entre outras. Com a EASY CAR, que é de Brasília, assinou contrato de 580 mil reais, pra aluguel de 6 carros, por 1 mês. Com a LUXOR (que prestou serviços à prefeitura de CAMPINAS), assinou contrato para reforma de prédio, por 11 milhões – subsidiado pelo BNDES. A próxima prefeitura de Maria Helena é TERESÓPOLIS. Quaquá pretende vender 150 mil de área preservada para grupo árabe! Socorro! Marica pede socorro!

    POSTAGENS:
    tl@marica.com.br

    http://lilicarabinabr.blogspot.com/2011/06/jogada-das-conultoria-no-brasil-e-em.html

    http://www.marica.com.br/territoriolivre.htm

    ResponderExcluir

Opinião dos leitores