Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


quinta-feira, 13 de junho de 2013

GRITA BRASIL!


 
http://opiniaoenoticia.com.br/brasil/vem-ai-o-bolsa-novela/

Opinião e notícia,
terá uma coluna com o nome
"Grita Brasil",
que será publicada às quintas-feiras (por enquanto!)
 
     

Por Claudio Schamis
 
Não, não é na Globo e nem é da Glória Perez, tampouco é pelas bandas onde ela (Glória) adora estar. Mas que dá vontade de mandar alguém pra Capadócia, ah isso dá. 
 
Dizem que Dilma já gravou um programa para contar sobre a nova Bolsa que vai lançar. Sim, meus caros telespectadores, a “novela” é lá em Brasília e sua autora, a presidente Dilma. Os primeiros capítulos já foram entregues aos ministérios da Fazenda e do Desenvolvimento. Dilma, a presidente “escritora”, resolveu antecipar o cronograma de desligamento da TV analógica e quer lançar um subsídio que permita que famílias de baixa renda possam comprar suas televisões digitais com juros só praticados por uma mãe. Sim, Dilma quer ser a mãe de todos, e além de dar (?) casa com piso de cerâmica, quer agora que seus filhos possam ver em alta definição suas novelas e programas de auditório preferidos e assim esquecer de vez os “malfeitos” do seu governo.

Afinal, será o seu governo que possibilitará que os pobres tenham em suas casas aparelhos de última geração sem quase sentir no bolso. Imagina pagar por uma TV digital de 32 polegadas, que custa R$ 800, em parcelas entre R$ 24 e R$ 26. Até eu compraria a minha. Fora a outra brilhante ideia de Dilma lançada ontem, quarta-feira, 12,  que tem até nome bonito, “Minha Casa Melhor”, (ao dizer que as próximas casas serão melhores, o governo estará admitindo que a atuais são piores)  e que, a juros subsidiados, permitirá aos filhos do Brasil mobiliar suas casas com móveis e eletrodomésticos.

Só que o que quase ninguém vê é que para isso acontecer é preciso que o governo cubra a diferença do custo dessa operação. De onde vai sair esse dinheiro? Bem, há algumas opções, das quais a mais temida é que parte seja desviada do FGTS, que já é usado para outros fins. Enfim… É isso que provavelmente vai acontecer.
 
Será que isso é falta do que fazer, do que inventar, ou já é uma atitude com ares desesperados, já olhando para as eleições presidenciais de 2014?
 
Presidente, você tem tanta coisa mais importante com que se preocupar, tanta coisa pra fazer que faria toda a diferença na vida dessas mesmas pessoas que você tenta comprar com esses mimos.

 

Já não gostei do novo ministro do STF!

O novo ministro aponta a página que deveria ser virada
Nomeado ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), o advogado Luís Roberto Barroso já começou com uma fala que eu não gostei. Barroso disse que o STF tem causas mais importantes que o mensalão, que isso deveria ser uma página já virada pelo país e que preferiria assumir sua cadeira somente depois de concluído o julgamento dos embargos apresentados pelos réus condenados.
 
Não concordo que o STF teria causas mais importantes. O julgamento do mensalão foi um dos julgamentos mais importantes da nossa história e não pode ser taxado como qualquer coisa, como um “ponto fora da curva”. E não foi um ponto, foram vários pontos fora da curva. E sim, vários saíram da curva da honestidade, da ética, do certo, e esses “alguéns” foram justamente os réus condenados, apesar de nenhum deles achar que o que foi feito foi “sair da curva”.
 
O julgamento nos fez acreditar que a corrupção, embora longe de acabar – essa não vai acabar nunca – poderá diminuir, pois foi provado que o STF não tem medo de julgar quem quer que seja, muito menos homens que sempre se acharam acima do bem e do mal.
 
Barroso, com todo o respeito, tem certeza que você quer ser ministro? Daqui a pouco você vai querer escolher o que e quem vai querer julgar. Pode não. Tá no Supremo é para julgar quem aparecer na sua frente.

Dilma tá caindo!


Dilma explica que a queda não foi tão grande assim e disse que a luta irá continuar companheiros
Num primeiro momento achei que pudesse ser uma daquelas notícias sensacionalistas. Ou um boato gerado, quem sabe, por mim, né Dilma? Mas não. Uma pesquisa publicada no site do jornal Folha de São Paulo, mostra que agora  57% da população avalia o governo como bom ou ótimo contra 65% que pensavam assim na pesquisa anterior. Eu continuo não sendo entrevistado, mas isso me dá esperanças de que algumas pessoas já começam a olhar a coisa com uma visão mais periférica. Arriscaria dizer que muitos estão tirando seus antolhos.
 
 
Não quero com isso dizer que torço pelo fracasso da Dilma. Nunca torci. Nem pelo do Lula, afinal eu moro aqui no Brasil. O que eu mais queria é que o presidente em exercício fizesse por onde e fizesse bem feito. Poderia ser quem fosse. Se a coisa que foi feita tivesse sido feita no governo do Y, eu cairia de pau no Y, mas foi feito no do Lula e está se repetindo no da Dilma. Fazer o quê?
 
 
Sei também que os defensores irão dizer que mesmo assim os índices de aprovação ainda são altos e diferentes de outros governos. E daí?
 
 
Mas a senhora inflação está correndo solta e tirando mais cabelos dos poucos que restam do nosso ministro da Fazenda, Guido Mantega. E a Dilma… nada. 
 
Tem a questão do desemprego, e a Dilma…nada.
 
Até a agência de classificação de risco Standard & Poor´s já avisou que poderá baixar a nota do Brasil, mas Guido acha que é boato. Até arriscou dizer que eles teriam que mudar o viés da nota para alta.
  
Mas apesar disso tudo, foi desmentido pelo PT que haveria uma troca de Dilma por Lula nas eleições de 2014. De qualquer forma não sei se faria alguma diferença. Seria algo com seis por meia dúzia.
 
Salvem as baleias.
Não joguem lixo no chão.
Não fumem em ambiente fechado.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Opinião dos leitores