Este espaço é desaconselhável a menores de 21 anos,
porque a história de nossos políticos
pode causar deficiência moral irreversível.

É a vida de quengas disfarçadas de homens públicos; oportunistas que se aproveitam de tudo e roubam sem punição. Uma gente miúda com pose de autoridade respeitável, que engana o povo e dele debocha; vende a consciência e o respeito por si próprios em troca de dinheiro sujo. A maioria só não vende o corpo porque este, além de apodrecido, tem mais de trinta anos... não de idade, mas de vida pública.


quinta-feira, 2 de setembro de 2010

Quando faltam escrúpulos, sobram dossiês


Não deixem de assinar a procuração

FORA, BANDIDAGEM!

Mesmo depois da quebra de sigilo nos dados da Receita Federal,  o ministro de L.I., Guido Mantega, já avisou que não  "não cogita"  demitir o secretário da Receita .

Não se discute, agora, o motivo torpe da violação dos dados da filha de José Serra, nem vem ao caso a fraude na sua assinatura, ou a apresentação do reconhecimento de  firma num cartório onde nunca  foi cadastrada.  Este é outro caso, outro tipo de patifaria indecorosa.

O que se discute é a permanência no cargo de um secretário inoperante, incompetente,   Como podem obrigar o contribuinte a entregar seus dados  à Receita Federal, sabendo  que  podem ser violados, que não há garania de privadidade ao nos submeter ao Imposto de Renda?
 Caso a falta de escrúpulos não estivesse tão confortavelmente instalada no país,  o secretário seria o primeiro a pedir demissão, envergonhado por sua inoperância.  E, se não o fizesse imediatamente, caberia ao ministro dar-lhe um pé no traseiro.
 
Depois de tanta baderna, aplaudida nos bastidores por nossos governantes, nada nos surpreende mais.  Aliás a baderna é grande aliada quando se pretende desestabilizar um regime. 
 
Enquanto isso...
 ao povo, 
dê broa de milho.




Um comentário:

  1. Pelo visto ESTÁ TUDO DOMINADO
    Pobre BRASIL!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

Opinião dos leitores